2011/08/23

Inflexões de Verão

Partindo da premissa que desenvolvimento social num determinado local pode-se medir pelo número de associações cívicas e número de iniciativas cívicas que esse local produz, é possível verificar uma notável evolução no Porto Formoso.
Tendo em conta que estamos perante uma freguesia rural, sem meios económicos, e ainda sem estruturas físicas que permitam o crescimento de “projectos” – a Casa do Povo e o Centro Multiusos demoram a ficarem concluídos – é de louvar o surgimento, nos últimos 3 ou 4 anos, de variadas iniciativas com um ponto em comum: a juventude.
Observando estes fenómenos desde o 25 de Abril de 1974, verifica-se que houve alguma juventude mobilizada para a acção como nos casos do futebol, atletismo e também escuteiros, contudo, assistimos hoje a uma maior amplitude de mobilização, pois agora também as mulheres participam e as iniciativas são em maior número. Vejamos, existe prática organizada de ténis de mesa, folclore, um grupo de tambores, há os romeiros, organizam-se torneios de pesca, futebol, festas de passagem de ano, de Halloween, Carnaval, a festa de cerveja nos Moinhos, visualizam-se filmes, ocasionalmente há teatro, etc. e mais não há porque não existem locais apropriados para a realização de muitas dessas actividades.
Claro que há falhas nisto tudo, mas o importante tem sido a iniciativa e a capacidade de mobilização.
É interessante verificar o desvio destas actividades da esfera da influência político-partidária, isto é, os vários grupos não estão ligados de forma óbvia a uma corrente de personalidades de um partido, nem estão ao serviço dos votos, coisa que há uns quantos anos atrás era por demais evidente, com a existência de actividades que eram “geridas” por pessoas ligadas a um partido. Hoje a juventude não deseja ser manipulada e, assim, este fenómeno diminuiu e ainda bem.
Falta, sem dúvida, “profundidade” a algumas iniciativas, mas isso adquire-se com o tempo, experiência e com o contacto com novas realidades. O primordial é que elas existam e, posteriormente, a vertente mais educacional e cultural destas iniciativas surgirá.
Há assim, uma clara viragem geracional a ocorrer no Porto Formoso. Essa viragem está a cargo de uma juventude com mais escolaridade e maior educação.

E-mail

acasadamosca@yahoo.com

Agenda

Início de Colheita - Chá Porto Formoso | 2 de Maio

Lido e percebido

"Onde está a minha terra? com o seu cheiro do mar misturado com o do trigo...que a brisa trazia da "ponte" até ao meu "jardim" onde me deliciava com a conversa do "tio evaristo"???...Está tudo tão perto da minha alma pois tudo faz parte do meu ser... Foi neste Porto Formoso que nasci, cresci e saí ficando para sempre.", comentário colocado por um anónimo no post Esclarecimentos em 14/02/2008

Últimos posts

Locations of visitors to this page