Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2008

19 - Porto Formoso

Imagem
19 era o número que José Casinha usava no seu equipamento. Nesses tempos os atletas do Porto Formoso corriam e ganhavam corridas. Esta moldura foi-me enviada por sua família e reflete a marca que o desporto deixa na vida de uma pessoa. Haja alguém com determinação que faça algo pelo desporto na nossa freguesia. ps. desporto não é só futebol

Fotos do Sound Set Sun System

Imagem
As informações que possuo, provenientes de pessoas que lá estiveram, são todas no sentido que o festival foi um evento bastante positivo.
Quem quiser ver mais fotos do festival pode vir clicar aqui p.s. foto gentilmente retirada daqui

Sound Set Sun System - Praia dos Moinhos

Imagem
Sábado, dia 12 de Julho vai haver música na Praia dos Moinhos, no Porto Formoso.
Um conceito diferente, com as actividades musicais a começarem pelas 18h ainda com os banhistas na Praia, convidando as pessoas a permanecerem até ao pôr-do-sol, para depois os sons ficarem mais intensos com a actuação de bandas e DJs até mais tarde.

É um regresso inevitável da música a um local mítico, a Praia dos Moinhos, onde em 2002 (salvo erro), um festival sem nomes conhecidos para o grande público trouxe a esta praia cerca de 8 mil pessoas.
Desta vez a produção é mais pequena, no entanto, espera-se grande azáfama este fim-de-semana na Praia dos Moinhos, a começar pelo fim de tarde...

SALVEM a Lagoa de São Brás

Imagem
lagoa de São Brás verde, azul
pormenor da eutrofizaçãopaisagem durante a subida à lagoa de São Brás
Bem sei, asta lagoa pertence à freguesia vizinha de São Brás. Que me desculpem os de São Brás, mas como portoformosense sinto que esta lagoa também é nossa.

O Porto Formoso tem mar, baías, cascatas, montes e vales. Só nos falta uma lagoa, por isso, sentimo-la como nossa. Além disso, desde há muitos anos que os portoformosenses se habituaram a conhecer, trabalhar, visitar e a gostar da Lagoa de São Brás.

Esta lagoa situada local magnífico de paz e de contacto com a natureza está, segundo a Secretária Regional do Ambiente e do Mar praticamente irrecuperável.
É que a lagoa não é muito profunda estando mais sujeita aos efeitos da eutrofização devido aos adubos usados na lavoura. Assim, daqui a poucos anos vai-se tornar um pântano quase sem água e passados mais uns anos vai desaparecer.

O mais revoltante é que não existe um plano de intervenção para salvar e proteger esta lagoa, tal como existe pa…