SALVEM a Lagoa de São Brás

lagoa de São Brás
verde, azul

pormenor da eutrofização

paisagem durante a subida à lagoa de São Brás


Bem sei, asta lagoa pertence à freguesia vizinha de São Brás. Que me desculpem os de São Brás, mas como portoformosense sinto que esta lagoa também é nossa.

O Porto Formoso tem mar, baías, cascatas, montes e vales. Só nos falta uma lagoa, por isso, sentimo-la como nossa. Além disso, desde há muitos anos que os portoformosenses se habituaram a conhecer, trabalhar, visitar e a gostar da Lagoa de São Brás.

Esta lagoa situada local magnífico de paz e de contacto com a natureza está, segundo a Secretária Regional do Ambiente e do Mar praticamente irrecuperável.
É que a lagoa não é muito profunda estando mais sujeita aos efeitos da eutrofização devido aos adubos usados na lavoura. Assim, daqui a poucos anos vai-se tornar um pântano quase sem água e passados mais uns anos vai desaparecer.

O mais revoltante é que não existe um plano de intervenção para salvar e proteger esta lagoa, tal como existe para as lagoas das Sete Cidade, Furnas e Congro onde foram adquiridos terrenos à volta dessas lagoas de forma a criar uma barreira de segurança, livre do uso e abuso de adubos.
Porque razão não se faz o mesmo na Lagoa de São Brás?
Parece-me até mais fácil, uma vez exitem apenas dois ou três proprietarios com terrenos à volta da lagoa. O governo adquiria estes terrenos, ordenava o território, plantava árvores e vedava o acesso a vacas e cavalos.

Será que temos de nos "amanhar" e aceitar, de braços cruzados, que a lagoa de São Brás vai desaparecer?
Não haverá mesmo forma de salvar a Lagoa de São Brás?

Uma coisa é certa, a lagoa está a ficar com menos água e se o Governo não fizer nada a lagoa vai desaparecer!

Comentários

Anónimo disse…
Além disso é uma das lagoas da região onde é permitido pscar algumas espécies de peixe. Coitados: Antes morrer de barriga cheia do que asfixiados LOL
Anónimo disse…
excelentes fotos
JAGPacheco disse…
Já á algum tempo que não comentava a “Casa da Mosca”, mas desta feita não podia deixar de faze-lo, em virtude deste tema aqui postado pelo Regedor ser, na minha opinião, muito actual e pertinente.
A lagoa de São Braz tem um grande valor afectivo para as populações circundantes, ao longo dos anos foi um ponto de atracção e de lazer para os locais. Agora com um bom acesso são muitos os seus visitantes, incluindo turistas.
Por ser pequena sofreu mais rapidamente o fenómeno da eutrofização. Mas esta lagoa, localizada num pequeno cone vulcânico, tem uma bacia hidrográfica com uma área também reduzida. Sendo por isso como diz o Regedor, possível, travar este fenómeno: Adquirindo e arborizando o terreno envolvente (já existe uma margem com um povoamento de criptoméria) e proibindo o pastoreio nas suas margens.

Ainda bem que a “Casa da Mosca” lança este SOS Lagoa de São Braz!
Anónimo disse…
ontem existia embora com algum excesso o seguinte comentario LIMPO NÃO QUÉM LIMPA MAS LIMPO É QUÉM NÃO SUJA acontece que o sr regedor achou por bem retirar o mesmo para isso a que ele é regedor ele tem esse direito mas até nem vou falar do regedor mas sim de todos os que opinam de forma escondida (anonimos) e de todos aqueles que dão a cara uma frase que não ofende ninguém agora pergunto porque será que está tudo calado. JÁ SEI PORQUE NÃO É NENHUM ENRREDO PORQUE SE FOSSE UM ASSUNTO DE FALAR MAL DE PESSOAS TINHAMOS ASSUNTO PARA MIL E QUINHENTAS VISITAS NESTE BLOGGER assim o porto formoso não chega a lado nenhum.
aguia disse…
Convidam-se os lavradores do Porto Formoso a apresentarem propostas à Câmara da Ribeira Grande para a compra da erva que circunda a escola básica desta freguesia.
Junta o útil ao agradável, a Câmara ganha uns trocos e acaba-se com mais esta vergonha.
Anónimo disse…
Já agora porque é que a Câmara não aproveita essa receita da venda da erva para recuperar a placa que anuncia a freguesia do Porto Formoso pelo lado nascente?
Será necessário abrir uma subscrição pública?
Anónimo disse…
vocÊs aí os do porto formoso queriam era ter uma lagoa mas essa pertence é há nossa freguesia! toda a vida a vossa freguesia teve foi dor de cotevelo de tudo o que nós fizemos!Se vocês tivessem vergonha em vez depor as fotos da nossa lagoapussesem as fotos das ribeiras doporto formoso xeias de lixo as fotos da das ruas que para passar de autocarro leva alguns 15minutos etc etc!vergonha vocês não têm na cara!ocupassem o tempo na vossa freguesia e deixaxem os outros em paz!Axo que o porto formoso tem bastante que mostrar e nõ existe necessidade de mostrarem a lagoa de sao bras!
Anónimo disse…
antes uma lagoa como está, porque nem isso vocês têm.
Anónimo disse…
metam-se na sua vida e deixem a dos outros
Cavalete disse…
Porto Formoso vs S. Brás

Estas duas freguesias sempre mostraram uma interligação bastante "castiça".

Belos tempos em que...

... quando se viam uns banhistas de pele mais clara na praia dos moinhos ou estes eram da ribeirinha ou eram de S. Brás. Mas os de S. Brás costumavam ser de pele clara apenas nas pernas, pois muitos eram lavradores que andavam sem camisa no trabalho...

...um bom passeio de bicicleta em grupo passava sempre por descer desde o areeiro de S. Brás até à casa do Sr. José Bloto no Porto Formoso...recordo-me de umas quedas bem acrobáticas nesse percurso...

...muitos jovens do Porto Formoso que andavam no engate de rapariguas de S. Brás e também da Maia tinham que vir a correr no regresso a casa para não levarem umas boas leivadas nas costas dos rivais dessas freguesias...

...para os jovens do Porto Formoso, ir para a "night" significava ir para o Emigrante de S. Brás...a casa chegava a abarrotar de gente... muito alcool mas sempre muita boa disposição... o batoco adorava os hamburguers do emigrante e quase metade das pessoas que lá andavam já entravam a rir compulsivamente...

...ficavamos à espera da boleia do Padre Francisco para irmos para o emigrante de S. Brás...

... as festas de S. Brás tinham sempre muito mais gente do Porto Formoso do que de S. Brás...
Anónimo disse…
eu sou de sao bras como muito orgulho nao admito que pequenos do porto formoso venham me dar lições
O Regedor disse…
Por já andar nisto d´A Casa da Mosca há uns anos, pensei duas vezes se fazia sentido colocar um post sobre um assunto de outra freguesia.

Contudo, decidi colocar o post porque gosto da lagoa de São Brás e os portoformosenses também gostam. É uma lagoa que faz parte da nossa infância. Não quero saber se essa lagoa fica em São Brás ou no Nordeste.

O que interessa é que ela não despareça para sempre. Contudo, aparece sempre algum anónimo mais interessado em falar de invejas e rivalidades entre Porto Formoso e São Brás em vez de se preocuparem em fazerem alguma coisa para salvar a lagoa.

Para os anóminos que não compreendam isso, lembro-lhes que a independência de São Brás foi há 27 anos. Já era tempo de esquecerem esses recalcamentos, mas, bem sei, não é fácil.

Enquanto isso, a vida ensinou-me que vou ter de "levar" com vocês por aqui.
Que haja, pelo menos, respeito.

Tenho dito
Anónimo disse…
Acho que há por ai muito jovem que deveria aproveitar o cartão da direcção regional da juventude para viajar pelas 9 ilhas de barco ao preço de um gelado Feast. Como é que alguns dos nossos vizinhos de rua ou de freguesia têm uma visão tão fundamentalista como alguns palestineanos e israelitas têm no conflito da faixa de gaza?

Vamos acordar minha gente... ou melhor... vamos sair do quintal e vamos pensar que somos apenas habitantes desta pequena aldeia global!
Gracinha disse…
Dá-me vontade de rir com cada comentário anónimo que se lê por aqui.
Será que ninguém percebe que o que está em causa não é a rivalidade entre freguesias nem muito menos a quem pertence a Lagoa de São Brás. Quem tem dois dedos de testa compreende que o que foi aqui dito é a triste realidade dos nossos dias.
O objectivo é tentar arranjar uma solução, abrindo os olhos às entidades responsáveis, porque caso contrário muito futuramente,e com muita pena nossa, não haverá lagoa para ninguém.

Bem haja
Graça
Gracinha disse…
Dá-me vontade de rir com cada comentário anónimo que se lê por aqui.
Será que ninguém percebe que o que está em causa não é a rivalidade entre freguesias nem muito menos a quem pertence a Lagoa de São Brás. Quem tem dois dedos de testa compreende que o que foi aqui dito é a triste realidade dos nossos dias.
O objectivo é tentar arranjar uma solução, abrindo os olhos às entidades responsáveis, porque caso contrário muito futuramente,e com muita pena nossa, não haverá lagoa para ninguém.

Bem haja
Graça
Anónimo disse…
o senhor regedor poderia deixar a nossa lagoa da mão e fazer um novo post sobre o porto formoso j´+a k saiu na revista da tmn na segunda página uma foto k axo k já tem os seus 6 anos!axo uma boa sugestão!fike bem e pense no axunto!
JASRAPOSO disse…
NO PRÓXIMO SÁBADO, DIA 12 DO CORRENTE, TODOS OS CAMINHOS VÂO DAR À PRAIA DOS MOINHOS.

A partir das 18 horas vai haver um festival musical com a participação de várias bandas musicais, com entrada livre.

Trata-se de uma iniciativa organizada pela junta de freguesia.
aguia disse…
O bloger das 22:27 de hoje vai ter que aturar este post durante um mês se atendermos a que o Regedor foi de férias em Julho.
Um bocadinho paciência fica sempre bem, a não ser que o consiga apagar...
Anónimo disse…
A pista do águia é bastante interessante para os mais elucidados quanto a quem domina as novas tecnologias em São Brás... Viva São Brás e Ao Porto Formoso!!! Pessoal de São Brás! DEixem-e destas birras e oportunidades de aparecer no blog... Mais um comentário para fomentar a guerrilha! SEI QUEM È!!! ELES que entendam...
Anónimo disse…
O festival trata-se de uma iniciativa privada com o apoio da Junta...
Já querem dar o protagonismo todo à junta... sempre a puxar a brasa para a sua sardinha...
O Regedor disse…
Anónimo das 22:27,

sou cliente da Vodafone, a revista da tmn passou-me ao lado.
manuela disse…
"Os anonimos de Sao Bras" perfect blog page, start your own! What will your conversations be about? Porto Formoso, I'm guessing.
Its suffocating and bothersome these constant conter productive comments from these so called "anonimos". A Lagoa de Sao Bras like all natural wonders in Sao Miguel in my view belong to all individuals who can use them with respect.
I remember as a child a Lagoa de Sao Bras was a treat for my family and I. My father would make a great deal in taking us there. We would spend an entire afternoon swimming, running around having lunch it was a great time, us and nature.
What I remember most was the silence and the sound of birds. Its very sad to know that this place is being destroyed by men, there is no excuse its criminal.
For the past year or so this blog has been plagued by these so called "anonimos", I'm far away I want to see pictures of the many places and people from my childhood and share them with as many people I can. A casa da mosca is a wondrous place it should not have any exclusion on topics and comments or any restrictions on demographics ( with the exception of these "anonimos" sign off with your own name).
Sao Miguel is a very very small place be friends.

Manuela
Cavalete disse…
Acho que a Manuela tem toda a razão!
hugo disse…
Desde há muito tempo, a disputa entre os habitantes do Porto Formoso e de São Brás encontra-se sempre acesa. É pena que os habitantes de São Brás não tenham consciência que são uma colónia frustrada do Porto Formoso. Lembro-me, nos tempos da escola, quando íamos no autocarro, os estudantes, muito cultos de São Brás, chateavam imenso os do Porto com opiniões bastante interessantes (e.g. a praia dos Moinhos não pertencer ao Porto, mas pertencer a uma outra "imaginária" freguesia.

É pena que tais pessoas ainda não tenham crescido o suficiente.

Uma última observação: acho que, no lugar de criticarem as "ribeiras com lixo" do Porto Formoso, os habitantes de São Brás deviam unir-se e preservar o único património, a lagoa. Mesmo assim, penso, será que é mesmo património da freguesia de São Brás? Ou das vacas dos seus habitantes? Hum... Convém reflectir um pouco, ASAP.

Com os melhores cumprimentos ao nobre povo de São Brás.

Forte Abraço aos habitantes dos Porto Formoso.

H. Ramos

Mensagens populares deste blogue

Trilhos pedestres no Porto Formoso, onde?

Águas Medicinais da Ladeira da Velha