« Home | Sopas! Sopas mesmo sopas! » | Ténis de mesa renasce » | Procura-se » | Até sempre » | Teatro para todas as idades » | Abril é o mês do Chá » | Desfile de Carnaval » | Valsa da Meia-noite » | Trilho da Ladeira da Velha? Sim, não ou talvez. » | Um Feliz Natal a todos os que estão longe e aos q... »

A velha, a nova e o futuro

A nova Casa do Povo.
Exteriormente o restauro está espectacular. Palavras para quê? Foi feito um grande trabalho e a foto fala por si.
foto: Sá Couto
A velha Casa do Povo, edifício pertencente ao inventário do património dos Açores, pela sua importância arquitectónica.
Em breve veremos a nova Casa do Povo, resultado da recuperação desta bela casa.
O futuro do Porto Formoso passa por aqui, sabiam?

Três são as frases de máxima actualidade:





"Antigamente as mulheres cozinhavam como as mães...
Hoje, bebem e fumam como os pais!"

"Antigamente metiam o rabo nas cuequinhas...
Hoje, metem as cuequinhas no rabo..."

FRASE DA DÉCADA - (IRRETOCÁVEL)

Antigamente os cartazes nas ruas, com os rostos dos criminosos, ofereciam recompensas...

Hoje em dia, pedem votos.

Caros colegas:



Cumpre-me o doloroso dever de comunicar o falecimento do meu subsídio de férias. O mesmo encontra-se em câmara ardente nos cofres do FMI, da União Europeia e do Banco Central Europeu. As cerimónias fúnebres decorrerão durante o dia de hoje um pouco por todo o país nos mais diversos serviços públicos, nomeadamente nos Serviços afectos à Autoridade Tributária e Aduaneira.´



PS: Por falta de verba, não pude trazer um fato preto!

ultimamento nâo se fala em outra coisa se nâo dos fotografos e das suas maneiras de estarem dentro das igrejas .è nos jornais è na televisâo.ate ò sr padre da matris de ponta delgada chamou a policia para colocar um fotografo profissional fora da igreja . pois muito bem quem tem a maior culpa sâo os proprios senhores padres .porque querem estar bem com deus com os santos todos e com ò diabo âo mesmo tempo .

Na praia um homem passeia junto ao mar quando vê um barco voltar-se.
De repente alguém começa a pedir socorro.
“Socorro. Ajudem-me! Não sei nadar”
O homem rapidamente atira-se à água mas quando chega perto do indivíduo este afunda.
Determinado, mergulha em busca da vítima e consegue trazê-la à tona.
Ofegante a vítima declara:
“Obrigado, muito obrigado. Sabe? Sou o 1º ministro Passos Coelho e vou condecorá-lo pelo seu heróico acto.”
Ouvindo isto, o salvador larga-o e começa a nadar para terra.
Passos começa de novo a estrebuchar e a gritar:
“Que está a fazer? Não vá! Ajude-me! Ajude-me! Ajude-me!”
Ao que o outro responde:
"Não seja piegas. Isto é para seu bem. Encare isto como a oportunidade de finalmente aprender a nadar.”

Foi a sepultar ontem, em Vancouver, a D.Maria Inês da Costa Melo - Conhecida como Inês Casinha.

Esta senhora nasceu no Porto Formoso a 15/04/1927, tendo emigrado para a Venezuela em 1948.

Mais tarde, em 1968, seguiu para o Canada - Cidade de Vancouver - onde veio a casar o com sr. António Melo, ainda vivo

Esteve a última vez no Porto Formoso em Setembro de 1972, acompanhada do marido e filho, que tomou a comunhão solene na festa de Nossa Senhora da Graça.

Era filha do tio José Casinha, irmã do Manuel Casinha do automóvel e tem ainda uma irmã que vive na Canada do Mato dos Calços

Apesar de residir nos estrangeiro, mantinha o Porto Formoso no coração

A D. Maria Inês tem ainda mais uma irmã, Lurdes Costa que vive em Ponta Delgada.

ola sr Regedor parece que acasadamosca esta de ferias .

COISAS DO CORISCO….

1 – Passou mais uma festa do S. João que resultou num êxito. Falta agora o S.Pedro para se fecharem as festas populares.

2 – Noutros tempos, na noite de S.João era habitual as moças solteiras fazerem estas coisas:

- Colocar debaixo de uma quarta um pano preto e um caracol. No dia seguinte tentavam adivinhar o nome que o caracol havia desenhado e que seria o futuro marido.
- Uma outra era colocar um ovo partido dentro de um copo com água. No dia imediato era só saber deduzir o que o destino propunha – Um avião, um barco, um caixão, etc. e
- Por último, colocar alguns nomes em bilhetes enrolados e depositá-los num balde com água. Aquele que abrisse na manhã seguinte era o futuro príncipe encantado.

3 – A Comissão da Igreja, numa louvável iniciativa, está a levantar um paredão junto ao salão paroquial. Esta obra é feita com material e mão-de-obra oferecidos.

Boa obra, falta saber quem vai se sentar no cadeirão

Quero aqui lamentar a morte de um jovem do Porto Formoso que morreu na semana passada e que aqui passou em claro tal não aconteceu com o nosso amigo Cabral , para toda a sua familia e amigos que Deus o receba em sua casa de braços abertos , força a toda a sua familia neste momento dificil .

Recebi esta informação de pessoa amiga nos EUA

For your information, Mr. Manuel Rei, the brother of Dionisia (I forget her last name—she and her husband own the little grocery store across the street from the Furdados, our former community Sheriff/Regedor) passed away overnight on Monday. He was 98 years old, or thereabouts but he had been doing very well. In fact I met and spoke with him only a little while back and he was doing quite well: walking around, attending community activities, etc., etc.

Para sua informação, o Sr. Manuel Rei, o irmão de Dionísia (esqueci o seu sobrenome, ela e seu marido, dono da pequena mercearia na rua em frente as Furdados, nosso ex-xerife da comunidade / Regedor) faleceu durante a noite de segunda-feira. Ele era 98 anos, ou perto disso, mas ele vinha fazendo muito bem. Na verdade eu conheci e falei com ele apenas um pouco para trás e ele estava fazendo muito bem: passear, assistir às atividades da comunidade, etc, etc

Ora tomem lá!

... do Juiz-Conselheiro (Jubilado) Mário Araújo Ribeiro


«Concluí que a minha filha desempregada e o meu filho dentista com falta de clientes (ambos divorciados) têm de intentar acções judiciais contra mim, para eu ser CONDENADO a pagar "alimentos" (no sentido legal do termo) aos meus netos. Porque, com uma sentença judicial, eu posso descontar essas despesas no IRS e, se ajudar voluntariamente, não posso. Se encontrar uma saída, transmito-a a todos os avós. »

Juiz-Conselheiro (Jubilado) Mário Araújo Ribeiro

COISAS DO CORISCO….

1 – Na sessão inaugural das festas de S. Pedro da Ribeira Grande foi orador convidado o nosso conterrâneo João Teixeira, professor universitário.

2 – A RTP transmite semanalmente um programa intitulado “Portugueses sem fronteiros” onde são entrevistados cidadãos que fazem sucesso no estrangeiro. É triste ver aquele grande viveiro de jovens que não tiveram lugar neste país e que emigraram por necessidade e não por opção.

3 – Nos Açores há 15% de nascimentos fora do casamento

4 – A crise fez com que os bancos desvalorizassem as moradias em 16%.

As filas nos balneários dos moinhos estão de desesperar. Aos fins de semana ao fim do dia vi filas de homens e mulheres tempos sem fim à espera de tomar duche. uma praia daquele tamanho só com um duche. Antes os duches antigos

Adeus

caro adeus esta a ser preparada uma grande reportagem sobre a praia dos moinhos .para o açores hoje Adeus

O presidente da Câmara da Ribeira Grande, Ricardo Silva, criticou o "cerrado ataque" do Governo da República ao poder local, manifestando oposição à extinção de freguesias, por considerar que "servem os legítimos interesses das populações".
"Temos assistido a diferentes reformas sem que haja bom senso e ponderação na sua aplicabilidade. Somos confrontados com a crueldade da reforma administrativa autárquica, já publicada em Diário da República, sem auscultação séria, nem diálogo ponderado com os autarcas", criticou o autarca socialista.
Ricardo Silva, que discursava, na passada sexta-feira, na sessão comemorativa do 31.º aniversário da elevação da Ribeira Grande a cidade, frisou que não tomará nenhuma posição pela extinção de freguesias, manifestando a sua oposição a esta legislação.

Era muito interessante mais uma reportagem sobre os malfadados balneários que custaram 600mil euros para apenas um duche. Houve muitas reportagens antes, durante e aquando da inauguração da obra. Seria interessante perceber, passados dois anos, como se aquele bunker é, de facto, uma mais valia para a praia ou apenas serve para uma pessoa de cada vez tomar duche e mudar de roupa, ficabdo outras 20 à espera.

Em relação à reforma do poder local é mais uma do memorando da Troika e não vale a pena "espernear" porque estamos por conta deles.

Cumprimentos

muito interessante era o sr regedor dar uma palavrinha ao seu amigo torres para fazer uma reportagem sobre os balnearios da praia dos moinhos. todos nos sabemos que tem uma grande amizade com o furtado.que é muito bom

Até parece que o Ps não esteve a governar os Açores neste ultimos 16 anos , vindo agora a público o seu candidato dizer que se o Ps ganhar vai encurtecer o governo , secretarias e chefias nas empresas públicas ... enfim não gozem conosco porque não o fazem já e agora ??? e este rapaz nem sabe o que diz eles agora os chefes devem andar de calculadora na mão a ver pela percentagem dita quandos é que vão de carrinho ... o homem realmente é um bom político .!!!

Atenção BANIF prepara-se para encerra 40 balcões por todo o país e despedir 360 funcionários , a falência é um cenário eminente !!!

Falam-me em gastos excessivos que se deve evitar no governo e vem Drª Berta Cabral como o seguinte:

“No próximo quadro comunitário de apoio, vamos concluir a via rápida até à sede do concelho de Nordeste, porque esta estrada não está efetivamente concluída”.

Ora em menos de 4 minutos consegue-se fazer o percurso e aquilo que a Dra. Bertaa Cabral promete é para encurtar em 1 minuto e 30 segundos, ou seja passar a ser 2 minutos e 30 seg. Por isso quando se fala em gastos excessivos, e a seguir promete-se algo como isto, é de "bradar aos céus"!!!

Está excelente a remodelação que sofreu a casa do povo.
Gostaria de felicitar quem teve a responsabilidade de concretizar tal empreitada.
Pelo que tenho conhecimento a Junta de Freguesia teve um papel determinante neste desfecho.
Parabéns a todos os Portoformosenses!

Pelo Que Vi Hoje No Imperio De Saõ Pedro Vamos Ter Uma Grande Repotagem .Até ó Sr Pedro Moura Esteve Nas Sopas Mas Sempre Com ò Seu Braço Direito âo Lado ò Nosso Amigo Luis Torres . Luis Muito Obrigado Por Tudo Que Tens Feito Pelo Porto Formoso .

nunca tinha estado nas sopas do imperio de sao pedro do porto formoso é bom de mais e para ó ano vou estar lá se Deus nÃo me tirar a vida .muito obrigado a todas as pessoas do porto formoso.

mais de 1500pessoas estiverem ontem nas sopas de sao pedro no porto formoso.

è uma mau noticia para todos nòs .mas è ò banco de todos os bancos que tem os piores funcionarios .e temos pessoas cà na terra que jà sentirem isto na pele .

Com o aproximar das eleições a fada-madrinha promete este mundo e o outro, esquecendo-se que quando foi secretária regional das finanças deixou a região de rastos. Se não fosse o governo do eng. António Guterres a perdoar a dívida dos Açores hoje estávamos pior do que a Madeira

Parece-me que foi quando a dr. Berta Cabral era Secretária das Finanças que venderam o BCA aos madeirenses por tuta e meia e agora vem se queixar do que estão fazendo e atira culpas ao Governo Regional. É preciso ter descaramento.

A nova alcunha do Governo é 'LÁTINHA'...

A gente anda pela rua, aponta para as portas fechadas e diz:



LÁ...... TINHA uma loja...

LÁ...... TINHA uma fábrica...

LÁ...... TINHA um armazém...

LÁ...... TINHA trabalhadores...

LÁ...... TINHA um sonho...

LÁ...... TINHA esperança...

LÁ...... TINHA uma escola...

LÁ...... TINHA um serviço de urgência...

LÁ...... TINHA esperança de dias melhores...

LÁ..... TINHA subsídios de Natal e o de férias...

Esta Sr Dr Berta Cabral Anda A Prometer Mundos e Fundos a todos nòs .Quando estiver no cadeiraô a que vÃO VER QEM È ESTA SENHORA . ELA NÂO PASSA DE UM GARDA XUVA DO PASSOS COELHO .

SR REGEDOR PEÇO DESPULPA EM DIZER ISTO . EM TERRA DE MERDA TUDO DÀ MAU CHEIRO .È Ò QUE SE PASSA NO PORTO FORMOSO . VOU FICAR POR AQUI ADEUS

06/07/2012 às 18h29

Governo considera “descaradas” declarações de Berta Cabral
por Jornal Açores 9

Texto: Olivéria Santos Foto: GACS Sérgio Ávila, Vice-Presidente do Governo dos Açores

A propósito das declarações proferidas hoje pela candidata do PSD à presidência do Governo Regional dos Açores, o Governo já veio dizer estar atento ao processo de reestruturação do Banif nos Açores.

Numa nota enviada às redacções, o vice-presidente do Governo Regional assegura que já havia alertado os responsáveis do Banif que num cenário de despedimentos no banco que “o número de trabalhadores nos Açores a incluir neste processo deveria ser menor do que o inicialmente previsto e que deveria ser exclusivamente com recurso a reformas antecipadas”.

Reconhecendo que o Executivo não tem “competência ou intervenção directa neste processo”, Sérgio Ávila fez saber que já está agendada para a próxima semana uma reunião com os responsáveis máximos do Banif, no sentido de “reforçar esta posição”.

Referindo-se às declarações de Berta Cabral, que veio hoje desafiar o Governo a intervir nesta matéria, o Vice-Presidente do Governo dos Açores considerou-as “um grande descaramento”, adiantando que “a redução eventual de postos de trabalho no Banif baseia-se na nova legislação laboral aprovada pelo PSD e aplaudida pela líder do PSD Açores”, advertiu.

Alguma Coisa Vai Mal No Porto Formoso. Nòs Que Recebemos Tâo Bem As Pessoas Que Vem De Fora .e Esta Hà Vista De Todos .Todas As pessoas Que vem Para ò Porto Formoso Ficam Bem e As Mil Maravilhas .Pena è Que Alguns Destes Que Tem Casa De Graça Nâo Sabem Resteirar ò Pessoal Da Terra .Vou Ficar Por Aqui .Tinha Muito Mais Para Dizer Mas Nâo Vale Apena a Todos Uma Boa Semana De Trabalho Ou De Ferias .Ò Meu Nome è Toda a Verdade Sobre ò Porto Formoso .Vou Voltar Em Breve Se ò Sr Regedor Deixar .

as festas de sâo pedro estâo no fim .correu tudo muito bem foi lindo de se ver .pena foi que alguns senhores da alta do porto formoso nâo souberam estar hà altura Das Festas .Nem Por toda a Sede Se vai Há fonte .Bom Para ò Ano Há Mais .

Vivemos num País do Terceiro Mundo, sem Justiça....

Pais está na Banca Rota, pela gestão enganosa das PP, que levaram à Banca Rota. Qual foi a Justiça que fizeram aos seus responsáveis?..Que eu saiba a classe politica não está virada para este campo! Ora ora, vejamos cá na Europa aqui bem pertinho, França, Sarcosy, mal saiu do governo foi logo, feito busca pela justiça à sua residência, por suspeita de ter recebido, dinheiro, quando da sua campanha a presidente. No meu país, eles governam deixem o país destruído, por gestão enganosa, ele foi para França foi Filosofar outros estão por cá, e outros que ninguém sabe onde ao certo, onde parem! O que lhes irá acontecer ao certo? Quase ninguém sabe, ou já se sabe, nada!!!. E aos trabalhadores deste País, sem emprego e aos reformados, que podem ficar sem a sua pensão,a que teem direito e os funcionários Públicos, se não lhes pagaram aquilo a que é devido. Ficará o resto do nosso País a saque!!!!Tudo isto porque os Senhores Políticos, não querem que a Justiça os faça Justiça!!!Sem ela não saímos da crise, durante este meio século!!!!|

COISAS DO CORISCO….

1 – Chegaram ao fim as festas dos Santos Populares no Porto Formoso. Agora há que arregaçar as mangas para ver se conseguimos fazer as festas de Nossa Senhora da Graça com a eloquência necessária.

Gostaria de sugerir que se repetisse a exposição de fotografias antigas, mas num lugar mais amplo e com maior número de fotos. Seria bom que tivessem algumas legendas.

2 – Finalmente chegou ao fim a pavimentação da Canada do Mato do Outeiro. Tardou, mas a obra ficou boa.

3 – Para quando a inauguração da Casa do Povo e a criação no local de um posto do RIAC e de Assistência Social?

Vem Ai Mais Cortes .Mas Sempre Para Os Mesmos Ou Seja Para Quem Trabalha . Hà Dinheiro Para Dar a Muitos Malandros .e Casas Para Calar a Boca a Senhores Que Nunca Fizerem Um Desconto Para Ò Nosso Pais .

Inacreditável ! E na Assembleia da República não há um único deputado, da esquerda ou direita, que levante a voz contra o desperdício do dinheiro do POVO !




Mas,atenção, não são quaisquer bois.

São bois brasonados.

Pessoal
É divulgar isto massivamente. Mesmo os que não se pronunciam habitualmente sobre esta atrocidade, não deixarão de se indignar perante esta pouca vergonha e ignomínia do tamanho do universo.




Subsídios para as touradas
Por falar em subsídios, no passado dia 21/03/2012 foi publicada no Diário da República a lista dos subsídios atribuídos pelo IFAP no 2.º semestre de 2011, tal como se havia publicado a listagem relativa ao 1.º semestre de 2011 no dia 26/09/...2011.
No ano de 2011 o IFAP atribuiu subsídios no valor de €9.823.004,34 às empresas e membros das famílias da tauromaquia :

Ortigão Costa - 1.236.214,63 €
Lupi - 980.437,77 €
Passanha - 735.847,05 €
Palha - 772.579,22 €
Ribeiro Telles - 472.777,55 €
Câmara - 915.637,78 €
Veiga Teixeira - 635.390,94 €
Freixo - 568.929,14 €
Cunhal Patrício - 172.798,71 €
Brito Paes - 441.838,32 €
Pinheiro Caldeira - 125.467,45 €
Dias Coutinho - 389.712,42 €
Cortes de Moura - 313.676,87 €
Rego Botelho - 420.673,80 €
Cardoso Charrua - 80.759,12 €
Romão Moura - 248.378,56 €
Brito Vinhas - 53.686,78 €
Romão Tenório - 283.173,89 €
Sousa Cabral - 318.257,79 €
Varela Crujo - 188.957,35 €
Assunção Coimbra - 330.789,44 €
Murteira - 137.019,76 €



Andam os canis municipais a matar cães e gatos porque não têm mais espaço para os acolher e há 10 milhões de euros aplicados na tourada só no ano de 2011? As associações vivem de CARIDADE! Tal como os velhotes que nem têm dinheiro para pagar os medicamentos com a porcaria de reforma que recebem!
Este Verão vamos ver mais e mais florestas a arderem porque as câmaras não têm subsídios para a limpeza das mesmas, e Portugal não tem dinheiro para comprar helicópteros.Andam as esquadras da polícia podres e os carros enfiados em garagens porque não há fundos para os arranjar.
Andam as crianças a ir para a escola sem tomar o pequeno almoço porque há famílias que só têm dinheiro para pagar as rendas, para não dormirem na rua.Foram cortados subsídios de Natal para ajudar a pagar a dívida portuguesa ao estrangeiro.
Não há dinheiro para nada mas há 10 MILHÕES DE EUROS para a tauromaquia só num ano?

Verdizela, 2012/06/24

Exmº Senhor Primeiro-Ministro de Portugal

LISBOA

Exmº Snr:

Tenho 74 anos, sou reformado (descontei para a reforma durante 41 anos apesar de ter trabalhado durante 48) e esperava acabar os meus dias com a tranquilidade que uma vida de trabalho honesto justificava, mas tal está a mostrar-se impossível e daí a razão desta “carta aberta”.
Não, não lhe escrevo para lhe dizer que me mentiu, como mentiu a todos os portugueses, já estou (estamos) habituado à falta de verticalidade daqueles que aparecem nas campanhas eleitorais a prometer o céu para chegados ao poleiro nos transportarem ao inferno, também não lhe escrevo para lhe dizer que sou um dos que, em nome da salvação da Pátria e dos sacrifícios para todos, foi espoliado dos subsídios de férias e Natal, nem ao menos para lhe dizer que o curriculum de V/Exª não justificaria mais do que ser presidente do clube lá do bairro e muito menos para lhe dizer que o falar grosso não representa autoridade e competência, pode, isso sim, ser disfarce de autoritarismo e incompetência…

Porquê então esta carta?

Ignoro as muitas razões que tenho para lhe manifestar o meu protesto e fixo-me apenas numa palavra: VERGONHA.

Acha o Senhor Primeiro-Ministro que quem comunicou, com ar pungente, aos reformados, aos funcionários públicos e ainda a alguns trabalhadores de empresas com alguma ligação ao estado que lhes ia retirar os subsídios de férias e Natal por ganharem a exorbitância de algo mais de 1100 € e em contrapartida nomeia para o seu governo centenas de adjuntos, conselheiros, especialistas com ordenados três ou quatro vezes superiores e direito aos subsídios que aos outros retirou, tem um pingo de vergonha?

Acha o Senhor Primeiro-Ministro que quem fala na necessidade dos sacrifícios serem repartidos por todos os portugueses e requisita para os gabinetes ministeriais funcionários públicos com aumentos de vencimentos mensais de centenas, quando não milhares de euros e direito aos subsídios de férias e Natal, tem alguma vergonha?

Acha o Senhor Primeiro-Ministro que quem disse aos que depois de terem trabalhado durante dez, vinte ou trinta anos perderam o emprego que isso era uma nova oportunidade, tem qualquer tipo de vergonha?


Acha o Senhor Primeiro-Ministro que quem disse aos jovens do nosso país, talvez a geração mais bem preparada de sempre, para procurarem no estrangeiro o pão que Portugal lhes nega, tem réstia de vergonha?

Acha o Senhor Primeiro-Ministro que quem trocou os direitos dos portugueses pela caridadezinha das refeições nas escolas para os filhos famintos de Portugal e pelas cantinas sociais, tem vergonha na cara?

Acha o Senhor Primeiro-Ministro que com, ar ridiculamente cândido de menino do coro ou chefe de quina da mocidade portuguesa com a bandeira na lapela, aparece a falar aos portugueses, num discurso que eu julgava enterrado em 25 de Abril, com frases enfáticas que em português corrente podemos traduzir como: Morre de fome hoje que amanhã tens comida, sente alguma vergonha do que diz?

Eu respondo Senhor Primeiro-Ministro.

Eu tenho vergonha Sr Primeiro-Ministro

Eu tenho vergonha de o ter como Primeiro-Ministro do meu país.

Embora no Alentejo, onde nasci, o cumprimento seja devido a todas as pessoas (os velhos da minha meninice chamavam-lhe “salvação”) não posso, por coerência ainda que com mágoa, cumprimentar V/Exa.


José Nogueira Pardal

Com a quota parte de responsabilidade, e na expetativa que a filtragem a este comentário seja imparcial, direi que quando os comentários são efetuados por anónimos perdem automaticamente a sua credibilidade em virtude de serem opiniões de pessoas que não coragem de dar a cara.
São no, mínimo, uns "valentões"...

Haja Coragem de Assumir-se

Tudo leva a crer que a inaugraçâo da casa do povo do porto formoso vai ser là para Outubro

Ao não publicar o comentário que foi efetuado, o mínimo que se pode chamar-lhe é de ser um cobardolas!

Os Açores continuam a ser pequenos com pessoas assim.

Boa noite Meus Amigos isto esta Mesmo Muito Mal . Vejam Sò O Homem Forte Da Nossa Televisâo em Portugal sò Gasta Por Mes Em Gasolina 3000 Mil Euros No Seu Bruto Carro.sem contar com as outra mordemias.fora os almoços e as jantaradas e algumas noitadas . è Por estas e por outras que Portugal Esta onde esta .e nòs açoreanos estivemos Quase Sem televisâo Por causa do Sr relvas Que tem os diplomas hà Custa de uns Amigos .

COISAS DO CORISCO…

1 – O Dr. Eduardo Vieira, Presidente da Assembleia Municipal da Ribeira Grande, vai reunir com o Dr. José Contente, Secretário Regional, para estudarem o acesso a algumas freguesias para quem circula nas SCUTTS. No nosso caso trata-se de ver se será possível aceder, a quem viaja no sentido Ribeira Grande / Nordeste, à Ladeira da Velha e à entrada da Canada do Mato do Outeiro.

2 – O Comissário do Conselho da Europa alertou que há crianças a emigrarem para trabalharem, devido â crise existente em Portugal.

3 – São 3.157 as crianças nos Açores que estão a ser acompanhadas pela Comissão de Protecção de Menores.

4 – Pobre país é este onde as mordomias dos políticos continuam cada vez mais chorudas e os empresários e trabalhadores por conta de outrem vêm as finanças sugar-lhes tudo aquilo que investem e produzem. É caso para dizer – Temos aquilo que merecemos.

Realizou-se em Bruxelas o 2º Fórum das Regiões Ultraperiféricas (RUP), uma iniciativa que sublinha qualitativamente a forma como o União Europeia (UE) se relaciona com as suas regiões mais periféricas, proporcionando, para além do enquadramento institucional específico, o debate dos seus problemas, potencialidades e das estratégias a prosseguir.

O facto da Comissão Europeia (CE) ter recentemente publicado a Comunicação “As regiões ultraperiféricas da União Europeia: Parceria para um crescimento inteligente, sustentável e inclusivo”, na lógica dos princípios orientadores da Estratégia 2020, foi um bom mote para o debate. Entendo que vivemos um tempo em que precisamos de resultados e para isso precisamos de falar com clareza e de agir com objetividade. A Estratégia agora definida tem que ser mais do que um documento bem elaborado onde se afloram soluções, tem que ser um documento onde se vislumbrem claramente os instrumentos e os meios adequados para obter os resultados de que tanto necessitamos.

Por isso, defendi neste Fórum que a participação no mercado único ou a inserção regional das nossas regiões, são essenciais para que a Estratégia agora proposta produza resultados. Mas tal nunca será conseguido se não for melhor resolvido o problema das acessibilidades. A CE lançou iniciativas com preocupações de aproximar as periferias da UE em matéria de transportes, energia e comunicações, como o “Interligar a Europa” sem que se descortine qualquer referência ou qualquer solução que aproxime as suas Regiões mais remotas, as Ultraperiféricas. É por isso que voltei a referir que precisaremos, tal como já proposto pela Conferência dos Presidentes das RUP e pelo Parlamento Europeu, de iniciativas específicas para estas áreas, com base no POSEI, para que haja coerência nas politicas e possibilidade de alcançar os resultados necessários.

Por outro lado, a defesa dos setores tradicionais é outra das vertentes da Comunicação. Nesse domínio, como sempre defendi, quando a reforma da PAC aponta objetivos territoriais no domínio da agricultura, não podem ser reformadas politicas como a do leite ou concretizarem-se acordos internacionais, sem que uma análise territorial circunstanciada dos impactos em milhares de explorações nas regiões europeias seja feita. É preciso flexibilidade nas abordagens e nas soluções. Sendo verdade que por vezes basta adaptar ou aplicar as regras da UE à luz das necessidades especiais das regiões ultraperiféricas, outras há no entanto que pela necessidade de se fazer face a situações especificas e carenciadas de resultados expressivos, a utilização de instrumentos específicos, como os POSEI, se pode revelar mais adequada.

Aprecio favoravelmente a Estratégia apresentada pela Comissão, mas não deixo de me interrogar sobre a coerência entre o reconhecimento, por exemplo, da existência de handicaps permanentes para os quais foi criada uma alocação especifica para os minimizar e o facto da Comissão apresentar uma proposta para a sua diminuição em 47%. Assim como não terá clareza e coerência a Comissão estar aberta a facilitar a cooperação transfronteiras das RUP, caso as suas fronteiras marítimas distem mais de 150 km, mas acabe de apresentar uma Comunicação sobre Cooperação Territorial que mantém esses mesmos limites, mesmo para as regiões ultraperiféricas.

Muitos outros domínios como o mar, a pesca, a investigação, a inovação e a ciência, a imigração, a segurança, melhoria da sensibilidade do POSEI às transformações com impacto no domínio da agricultura, merecerão um debate permanente depois deste Fórum na luta constante que continuamos a travar pelo progresso e desenvolvimento dos Açores.

o luis torres esteve ontem a tirar imagens do parque de campismo do porto formoso .e ainda bem que foi la .espero que com esta Reportagem o Sr Presidente da Camara da Ribeira Grande olho mais para o porto formoso .porque nos Tambem temos o direito que se faça alguma coisa na nossa terra .nâo è sò para a praia de santa barbara

Novo post nos próximos dias, quando for possível perceber algumas coisas estranhas que se passam na nossa terra.

Cumprimentos

Depois da Reportagem do Açores Hoje Sobre o Parque de Campismo dos Moinhos .Que saiu Ontem na RTP Açores .Parece Que o Sr Presidente da Camara nâo ficou Muito Contente.Mas sr Presidente tudo o que foi dito Pelo Sr Pedro moura è Verdade .

Sr Regedor os Meus Sentidos pesemos .pela Morte do Seu Avo .o Sr jose Raposo era um Homem de bem

Muita gente da freguesia e de fora dela estiveram no funeral do sr. José Raposo. Como disse o o sr. Padre João Furtado na homilia, desapareceu mais um homem bom do Porto Formoso. Os meus sentidos pêsamos à família, especialmente ao Regedor e ao pai

já faz muito tempo que deixei o Porto Formoso mas ha coisas e familias ,que nao podemos esquecer eo Sr Jose Raposo era um Senhor muito querido na nossa Freguesia , o homen que eu pessolmente muito admirava e respeitava , por isso páz a sua alma.a todos que tiveram o prazer de conhece-lo ,conversar e compartilhar esperiencias, ficou a imensa SAUDADE .os meus sentidos pesemos a toda a familia , um espeçial a abraço ao meu amigo Raposo sua mulher e ao Bruno , que DEUS dei forças neste momento de dor eu Sou o Emanuel Vieirinha um ate breve minha gente.

Grande incendio na Ladeira da Velha por volta das 21h30 foram chamados os Bombeiros da Ribeira Grande onde prontamente compareceram com 2 viaturas para combater o incendio acompanhados com 9 pessoas, é de referir que junto ao local estavam a Policia de Maia e´os elementos da Junta de Freguesia, a Policia Judiciaria ira tomar todas as diligências no sentido de apurar todas as responsabilidades,

O sr Josè raposo foi um grande Homem para o porto formoso .e um bom presidente de junta .os meus sentidos Pesemos HÁ sua Familia

Estava há dias a falar com um amigo meu Nova-iorquino que conhece bem Portugal, o Eddie Cox, que alguns de vós conheceu da última vez que cá esteve num barbecue em minha casa… Dizia-lhe eu à boa maneira portuguesa de “coitadinhos” : - Sabes Eddie, nós os portugueses somos pobres ...

Esta foi a sua resposta:


António, como podes tu dizer que sois pobres, quando sois capaz de pagar por um litro de gasolina, mais do triplo do que pago eu?
Quando vos dais ao luxo de pagar tarifas de electricidade, de telemóvel 80 % mais caras do que nos custam a nós nos EUA?
Como podes tu dizer que sois pobres quando pagais comissões bancárias por serviços bancários e cartas de crédito ao triplo que nos custam nos EUA?

Ou quando podem pagar por um carro que a mim me custa 12.000 US Dólares e vocês pagam mais de 20.000 EUROS, pelo mesmo carro? Podem dar mais de 8.000 EUROS de presente ao vosso governo e nós não.

António, francamente não te entendo!

Nós é que somos pobres: por exemplo em New York o Governo Estatal, tendo em conta a precária situação financeira dos seus habitantes cobra somente 2 % de IVA, mais 4% que é o imposto Federal, isto é 6%, nada comparado com os 20% dos ricos que vivem em Portugal. E contentes com estes 20%, pagais ainda impostos municipais.

Além disso, são vocês que têm “ impostos de luxo” como são os impostos na gasolina e gás, álcool, cigarros, cerveja, vinhos etc., que faz com que esses produtos cheguem em certos casos até 300 % do valor original, e outros como imposto sobre a renda, impostos nos salários, impostos sobre automóveis novos, sobre bens pessoais, sobre bens das empresas, de circulação automóvel.

Um Banco privado vai à falência e vocês que não têm nada com isso pagam outro, uma espécie de casino; o vosso Banco Privado quebra, e vocês protegem-no com o dinheiro que enviam para o Estado. E vocês pagam ao vosso Governador do Banco de Portugal, um vencimento anual que é quase 3 vezes mais que o do Governador do Banco Federal dos EUA...

Sois pobres onde António?

Um país que é capaz de cobrar o Imposto sobre Ganhos por adiantado e Bens pessoais mediante retenções, necessariamente tem de nadar na abundância, porque considera que os negócios da nação e de todos os seus habitantes sempre terão ganhos apesar dos assaltos, do saque fiscal, da corrupção dos seus governantes e autarcas. Um país capaz de pagar salários irreais aos seus funcionários de estado e da iniciativa privada.

Deixa-te de tretas António, sois pobres onde?

Os pobres somos nós, os que vivemos nos USA e que não pagamos impostos sobre a renda se ganhamos menos de 3.000 dólares ao mês por pessoa, isto é mais ou menos os vossos 2.370 €uros. Vocês podem pagar impostos do lixo, sobre o consumo da água, do gás e electricidade. Aí pagam segurança privada nos Bancos, urbanizações, municipais, enquanto nós como somos pobres nos conformamos com a segurança pública.

Vocês enviam os filhos para colégios privados, enquanto nós aqui nos EUA as escolas públicas emprestam os livros aos nossos filhos prevendo que não os podemos comprar.

Vocês não são pobres, gastam é muito mal o vosso dinheiro. Ou então, vocês Portugueses são uns estúpidos ou uns mansos de ... !

COISAS DO CORISCO….

1 – O país vive uma situação tão dramática que até podemos afirmar que a crise de valores é muito superior à crise económica.

Ora vejamos:

- Dois larápios roubaram, em Ponta Delgada, a estátua do professor José Almeida Pavão para a derreter e vender
- Nos primeiros seis meses deste ano, nos Açores, houve 519 casos de violência doméstica, 24 contra idosos e 20 contra crianças e
- Também nos Açores, e no mesmo período, 131 moradias foram devolvidas à Banca

2 – A Feira Quinhentista, uma organização da Câmara da Ribeira Grande, terá lugar de 3 a 5 de Agosto

3 – Este ano fecharam dez trilhos em S. Miguel, nos quais se inclui o do Porto Formoso

Quinta -Feira dia 26 será rezada uma missa pela alma ,do Sr José Raposo na igreja Santa Cruz pelas 18.30em Montreal está convidado a participar é um maneira de homenegear.Este Senhor vamos estar presentes Portoformosensses.um abraço minha gente .

Quinta -Feira dia 26 será rezada uma missa pela alma ,do Sr José Raposo na igreja Santa Cruz pelas 18.30em Montreal está convidado a participar é um maneira de homenegear.Este Senhor vamos estar presentes Portoformosensses.um abraço minha gente .

COISAS DO CORISCO….

1 – Tem lugar na próxima Sexta-Feira o habitual festival de folclore do Porto Formoso.

2 – É já no Domingo que podemos contribuir para a festa de Nossa Senhora da Graça. O êxito das festas é da responsabilidade de todos. Só poderá criticar quem contribui.

3 – Apesar de não haver parque de campismo há muita gente a pernoitar na zona adjacente ao parque de estacionamento, nos Moinhos.

4 – O país afunda-se e as pessoas gozam as férias cá dentro. Talvez por isso tem havido muita gente na Praia dos Moinhos.

The 25-year-old Filion, who hails from Laval, Que., and 23-year-old Benfeito of Montreal have spent the past five years training together, seven or more hours a day, six days a week.

“We miss each other on Sunday, so we usually text or call,” Benfeito laughed a few moments after winning the Canadian diving squad’s second medal of the London Olympics.

After the medal ceremony for the 10-metre event and several rounds of interviews, the two divers sprinted around the outside of the venue to meet their parents, leaping into their arms – and then into the other set of parents’ arms.

The relationship between the two divers, you see, extends to their families.

“We’ve known each other for years, since we’ve been here we’ve eaten together every night. [Monday] was our fish and chips night. We follow each other around ever day,” Filion’s father, Marc, said with a laugh.

The divers’ mothers were dressed identically in the stands during the competition, which didn’t escape their daughters’ notice. “Of course,” Benfeito’s mother, Margie Correia, said when asked if it was planned. “It’s synchro for us, too.”

Tuesday was also a red letter day for Benfeito’s father, Arthur.

“It’s priceless, it’s absolutely priceless. It’s my birthday and this is the best present a parent could hope to have,” said the elder Benfeito, who turned 50.

While the divers were able to celebrate with family, they dedicated the performance to Filion’s grandfather and Benfeito’s uncle, both of whom passed away this past year.

“We had some angels with us today, they had the best seats in the arena,” said Filion, an inveterate hockey fan who brought her lucky Montreal Canadiens fleece blanket to London.

The memento Benfeito brought along was a photo of two of her late uncles, which she taped to the mirror of her room in the athletes’ village.

Despite similarities that go way beyond their team jackets, they have differences, too: Filion is typically too nervous to watch her rivals during competitions, whereas Benfeito always makes a point of knowing what the other duos have done.

Filion admitted having trouble eating and sleeping in the days leading up to the event, but added: “I actually felt calmer and more serene when we got up to the tower than I think I ever have. We had literally done everything we could to prepare.”

Both divers said they took extra motivation from good friends Jennifer Abel and Émilie Heymans, who won bronze Sunday in the three-metre springboard.

“When they got back to the village, it was late, we were sitting with them, looking at their medals, and we said, ‘We want one, let’s go get one.’ It was so inspiring,” Filion said.

It was also the second consecutive occasion a Canadian synchro pair came from behind to win a medal.

Benfeito and Filion had dropped to fourth place after two dives, but nailed a difficult forward 31/2 somersault to return to third, a position they wouldn’t relinquish.

Diving Canada technical director Mitch Geller said: “It’s the best I’ve ever seen them do that dive in practice or in competition.”

From there, Filion said, the plan was: “Don’t look, don’t think, do the dive like we know we can, screw the synchro, just land on your head.”

They did, and the medal was theirs.

China’s Chen Ruolin and Wang Hao won top honours – it was the second synchro gold in a row for Chen. Mexicans Paola Espinosa Sanchez and 15-year-old partner Alejandra Orozco Loza edged the Canadians for silver.

FICA AQUI A PERGUNTA PARA QUEM SOUBER RESPONDER - A CAMPEÃ OLIMPICA TEM ASCENDENTES NO PORTO FORMOSO???

Os Açores já têm a sua primeira medalha nos Jogos Olímpicos! Meaghan Benfeito, cuja família é do Porto Formoso, em São Miguel, ganhou hoje a medalha de bronze, pelo Canadá, em “mergulho sincronizado

Em complemento da informação anterior, recebi mais esta notícia

Não param de chegar informações sobre a medalhada nos jogos olimpicos.

Aí vai a última.

Meag Han Benfeito nasceu em Montreal e é filha de Artur Benfeito e Margarida Correia. Os avós, naturais do Porto Formoso, são Maria Furtado e João Correia pelo lado da mãe e Artur Benfeito e Justina Pacheco pelo pai

A luso-canadiana Meaghan Benfeito ganhou a medalha de bronze ontem (terça-feira) nos saltos sincronizados da plataforma a 10 metros nos Jogos Olímpicos de Londres.

Nascida em Montreal, no Canadá, Meaghan Benfeito, que é descendente de açorianos da Freguesia de Porto Formoso, irá ainda competir nos Olímpicos de Londres a título individual, na prova de saltos em plataforma de 10 metros, que se inicia a 08 de agosto.

Enviar um comentário

Locations of visitors to this page