Acordar

igreja com o sol a reflectir nela, o fundo azul do céu e baía a espreitar

baía do ilhéu... palavras para quê?
Acordar cedo no Porto Formoso é espectacular!
Na semana passada foi assim. Com o sol colocado a Este, bem baixinho, por cima do pico de São Brás, o céu fica azul profundo, algo que com o sol forte do meio-dia não é possível observar. As ruas estão com uma cor diferente, amarelada, com sombras, vêem-se pessoas a ir para o trabalho nas ruas quase desertas, a fachada da igreja reflete com força o sol.
Apetece começar bem o dia!

Comentários

bmat2 disse…
marc
bmat2 disse…
Não é por sermos do Porto Formoso que dizemos que o mesmo é bonito... é porque é mesmo conforme demonstram as fotos...
Se na foto fosse possível ver a casa do guincho talvez fosse possível observar alguns comportamentos desadequados...
tem sido possível em plena luz do dia, tarde, praia... conforme preferirem... ver um número de sujeitos (grupo) a consumirem drogas PESADAS em plena casa do guincho, se for preciso de portas abertas!
Sou a favor da liberdade individual, mas se esta põe em causa o bem estar e a segurança , neste caso, no mínimo, dos transeuntes acho que algo devia ser feito... Já estou a fazer algo!!!
Outro facto, uma imensidão de habitações têm sido roubadas de dia e noite no Porto Formoso! Ninguém faz nada? tem se feito alguma coisa, polícia a circular nas ruas à procura de suspeitos, pessoas a colocarem mais fechaduras...
Seria fácil e todos os portoformosenses saberiam dizer ou escrever o nome dos suspeitos de tais actos, por exemplo aqui, mas compreende-se o porquê de não o fazer.
Se enviasse uma carta para a PJ ou o Ministério público assinada e devidamente esclarecedora se calhar ainda ia a tempo de me sentar no jardim e assistir a uma actuação em flagrante delito.

Porque o consumo de drogas que causam elevada dependência leva muitas vezes os consumidores a praticarem actos criminosos que perturbam a segurança pública aqui escrevo este comentário! Afinal 1 a 2 quilos de lapas não é suficiente para o consumo. nem num bom dia 3/4 quilos seriam...
Estas pessoas precisam de ajuda, mas também de serem julgados pelos crimes que parecem estar a cometer, e se possível, em prisão preventiva, para não me roubarem a casa... e para que os meus filhos que gostam da areia do meio não tenham que ver o... +... a consumirem heroína!
Isto tudo é o que se diz, nas ruas do Porto Formoso!
Aida disse…
O consumo de droga é, sem dúvida, uma realidade de S. Miguel, em particular do Porto Formoso. Sem dados oficiais, mas atendendo ao que se vê, ouve e presencia, diria que 70% dos jovens masculinos do Porto Formoso consomem droga. Alguns femeninos também acompanham, mas em menor percentagem. Quem sofre, em primeiro lugar, são os pais e, em segundo lugar, o resto da família. São pessoas de todas as classes: ex-presidiarios, jovens sem escolaridade e com licenciatura, filhos de boa gente, filhos de gente pobre e de gente com alguns recursos. É ve-los mais magros, com os olhos encaveirados e numa ansiedade que se traduz pelas velocidades excessivas de carro, pela constante incerteza que causam às famílias.

Haverá que diga que um charro lá de vez em quando nao faz mal. Até concordo, mas quando se ultrapassam os límites, roubando para o vício e destruindo famílias, então algo vai mal.

Os traficantes também estão identificados pela população, mas claro, sem provas não vou mencionar nomes. A Judite deveria ter uma acção mais efectiva no terreno. Há muita gente a receber encomendas dos CTT, gente a arriscar demais. Mais dia menos dia acredito que vão dentro. Não se tem sorte a vida toda.
deus2deus disse…
O problema da droga é muito grave mas na Maia e na Ribeirinha está pior doque no Porto Formoso.
Não são uns charrinhos de vez em quando que fazem mal, o problema são as drogas pesadas: dão dependencia e são caras.
Começa a haver alguns jovens a consumir heroína há luz do dia, aparecendo magros e com olheiras negras. É preciso fazer alguma coisa em todo o lado, não é só no Porto Formoso. A droga afecta ricos, pobres, burros e inteligentes.
A melhor maneira de prevenir é em casa na família e depois na escola.

Boas fotos do Regedor. O POrto Formoso é lindo!!!!!!!!!!

adeus
Cavalete disse…
O programa "Estado da Região" da RTP Açores da próxima 4ª feira é dedicado ao concelho da Ribeira Grande. A não perder!
sono1 disse…
AS BADALADAS

Tocam os sinos na torre da igreja, … vai passar a procissão.

Estava no mundo irreal, a sonhar, quando subitamente acordo, com o bater das trindades. O som característico do badalar dos sinos volta acordar muitas pessoas da nossa freguesia.

Tendo no contexto social, nos princípios do século passado, um papel de enorme importância. Em que não havia relógios. As pessoas guiavam-se pelas badaladas das trindades na ida e no regresso do trabalho. Em que o almoço coincidia com os doze toques do meio-dia. Por incrível que pareça a sua importância mantém-se inalterável.

O repicar anuncia festa, baptismo. Os sinais, as badaladas, mais “arrastadas”, anunciam morte.
Está algures entre o badalar do nascimento, e o badalar da morte. O sentido da vida.
Este espaço é finito, talvez por isso não nos é permitido escutar as nossas proprias badaladas!!!

Com um forte abraço.
Cavalete disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Cavalete disse…
Afinal o programa é emitido 5ª feira, não 4ª.
sono1 disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
JASRAPOSO disse…
Não deixa de ser digno de reflexão que uma paisagem muito bonita do Porto Formoso tenha levado as pessoas a escreverem sobre a droga. É um pouco a história do copo meio cheio ou meio vazio.

Parece não haver indicadores objectivos que permitam avaliar a penetração desse flagelo no Porto Formoso. Os mais conservadores afirmam que há muita droga, os modernos limitam-se a dizer que atinge os níveis das outras localidades.

É importante que os educadores, pais e professores, transmitam aos cidadãos o modo de dar sentido ao tempo de viver.

Muitos jovens e adultos estão revoltados contra a rotina, a burocracia e a falta de oportunidades para singrarem na vida, caminhando erradamente pelo caminho que parece mais fácil - O REFÚGIO NA DROGA.

Esses drogados, mais do que marginais, são vítimas de todos aqueles que vivendo bem não são capazes de abdicar um pouco de si em favor dos outros.

Numa palavra - Os drogados são as vítimas que emergem duma sociedade cada vez mais egoísta e sem princípios humanos.
Cavalete disse…
Imagens impressionantes de uma casa a ruir em Ponta Delgada. A não perder logo na RTP e RTP Açores.
Formosinhas disse…
Gostava de felicitar o Regedor pelas fotos!
A nossa freguesia é linda sem dúvida mas nas duas primeiras semanas de Julho parecia ainda mais "especial"!!!

O Sol, o Mar, enfim...um PARAÍSO!

Cumprimentos
Cavalete disse…
Esta semana a Casa da Mosca irá atingir as 100.000 visualizações!

Depois da Casa da Mosca o Porto Formoso nunca mais foi o mesmo...
Gracinha disse…
Olá a todos...quando vi estas fotos maravilhosas não consegui evitar um comentário.
Não tendo por intenção deixar ninguém com inveja;), só queria dizer-vos que ultimamente tenho tido o previégio de acordar com uma destas paisagens do lado de fora da minha janela.
Refiro-me à segunda foto, sabe mesmo muito bem levantar da caminha e ao abrir a janela deparar-me com tal maravilha...

Bem haja a todos, e se for o caso, boas férias:)
Cavalete disse…
Recordo que hoje, às 20h35, teremos, na RTP Açores, um debate sobre o concelho da Ribeira Grande.
Anónimo disse…
por favor façam alguma coisa!! e podem começar por parar de consumir droga acreditem que ela as vezes passa nos meus olhos e ja está sem duvida nas mão de adolescêntes de 14 anos!!
Anónimo disse…
o porto fomoso é a 3º freguesia ke mais conome droga no arkipelago dos açores!!!!

Mensagens populares deste blogue

Trilhos pedestres no Porto Formoso, onde?

Águas Medicinais da Ladeira da Velha