III Festival de Folclore





Na próxima sexta-feira, dia 3 de Agosto, pelas 20h vai-se realizar o III Festival de Folclore do Porto Formoso.
Espera-se que seja o sucesso do ano passado e que o tempo ajude. Desta vez, virão grupo locais, um grupo espanhol e o Rancho Folclórico Podas e Vindimas de Arruda dos Vinhos que irá realizar um intercâmbio com o Grupo de Folclore do Porto Formoso!
E viva a festa!

Comentários

Gracinha disse…
Nem mais...Vamos todos juntar esforços para que corra tudo da melhor forma.
Como é óbvio, a festa não fará sentido sem a presença do nosso público, não faltem, contamos com a vossa presença:).

Com a ajuda de todos, certamente será mais um dia para recordar.

Bem haja
Graça:)
sono1 disse…
Se fosse num jogo de futebol, diria, grande antecipação da jovem jogadora Graça, ao possante atacante e amigo Regedor.

O curioso é que ambos marcaram o GOLO na própria baliza. Quero com isto dizer que ambos estão a fazer a divulgação do MAIOR EVENTO CULTURAL realizado na nossa freguesia.

O Terceiro Festival do Grupo folclórico do Porto Formoso, conta com aliciante de termos um grupo internacional. O que enriquece em termos culturais, artístico o evento.

Na noite da próxima sexta feira o campo de jogos do Porto Formoso, será um local, obrigatoriamente a visitar. Onde certamente, animação, convívio, boa disposição, e espectáculo não faltarão.

Compareçam, porque de certeza absoluta não dirão o seu tempo por perdido!

PS. Tenham especial atenção á voz da cantadeira feminina do Grupo Folclórico do Porto Formoso. É mesmo uma fofa! Fofa baile característico, dançado e interpretado pelo único grupo da ilha a faze-lo. O Grupo folclórico do Porto Formoso!

Com um forte abraço.
Cavalete disse…
Ainda a proposito do edificio da Casa do Povo e do edificio multiusos.

1) Edificio da Casa do Povo (em frente ao jardim do outeiro)
i) Responsabilidade "actual" da obra: Casa do Povo
ii) Ponto da situacao: o financiamento ja esta assegurado mas os dirigentes da Casa do Povo continuam sem pressa para fazer a obra(embora ache que e um desperdicio de dinheiro publicos gastar dinheiro ali; a casa de povo deveria ser no novo multiusos).

2) Edificio multiusos
i) Responsabilidade "actual" da obra: Comissao Fabriqueira
ii) Ponto da situacao: obras completamente paradas e sem financiamento assegurado para a sua conclusao. A Comissao Fabriqueira ainda nao se reuniu com a actual Camara a solicitar uma solucao conjunta para o problema.

Independentemente destas complicacoes, existe uma clara lacuna de um equipamento social no Porto Formoso. E face a esta lacuna, a junta, a Camara e o Governo nao podem afirmar que nao tem responsabilidade nenhuma no assunto.
aguia disse…
Fiquei deveras menente quando cheguei esta manhã ao fim do Ramal, na entada da estrada regional, e vi o cartaz do grupo folcolórico junto ao chão.
Que diabo, não há um escadote e uns rapazes para colocarem aquele cartaz entre duas árvores no meio da estrada?
Ao nível do chão niguém vê o que lá diz.
deus2deus disse…
Desta vez a organização não se "esqueceu" de por o nome da Junta de Freguesia do Porto Formoso no cartaz! Assim começa melhor do que o do ano passado.
Vou estar na primeira fila a ver os dançaricos.
Devia haver um concurso e premios para os grupos que dançarem melhor, porque os da Ribeira Grande o ano passado pareciam umas múmias descontravontade.

Caro sono1, o grupo folclorico tem uma fofa?!!

O multibanco no Porto Formoso está a ser um sucesso com carradas de forasteiros e indígenas a levantarem dinheiro fresco. O multibanco foi obra da Junta de Freguesia. Parabéns!
O posto internet é outro sucesso. Faltavam 10 para as 7 e estavam várias calafonas à espera do posto abrir para poderem ir à internet falar para casa.

Adeus
Gracinha disse…
Caro amigo "deus2deus" passo a explicar-lhe a duvida que colocou ao sono1.
O grupo folclorico tem sim senhor "uma fofa"!
Em 2006, o nosso grupo procurou recolher este balho, visto que o mesmo ja não se balhava desde os finais do séc.XIX. Sendo ele um balho bastante ritmado conseguimos que se enquadrasse nos géneros dos pézinhos.
É também um enorme orgulho da nossa parte, o facto de balhar-mos a "fofa", visto que, como ja foi dito pelo sono1, somos o único grupo da ilha que o balha.

P.S. É muito provável que o mesmo seja balhado no próximo fim de semana, fique atento:).

Bem haja
Graça
sono1 disse…
Fofa

Tem si, uma fofa caro deus2deus! Compreendendo o seu sentido de humor, e para que a próxima actuação não leve com o chicote em cima. Sempre poderei adiantar-lhe o seguinte.

A fofa é coreograficamente um dos mais bonitos bailes do folclore açoriano. Originário da Povoação, este baile caiu em desuso por volta dos princípios do século passado. O Grupo de Folclore do Porto Formoso, após varias pesquisas bibliográficas e testemunho oral recuperou este baile em 2006. Salvo erro, é neste preciso momento o único grupo de folclore açoriano que dança e interpreta a (fofa). A envolvente deste baile, o seu historial a forma como é dançado e interpretado pelo cantador(a), torna este baile um dos expoentes máximos do vasto repertório do Grupo Folclore do Porto Formoso.

Não me leve a mal Graça, como a pergunta foi-me dirigida. Fica aqui um complemento ao teu comentário.

“A rir é que a gente se entende”. È mesmo, é educacional!


Com um forte abraço folclórico.
fios & companhia disse…
Espero que o III Festival de Folclore do Porto Formoso corra bem, muito sucesso para eles!
deus2deus disse…
Fico contente por ver que os bloggers têm sentido de humor.

Adeus
Cavalete disse…
A revista municipal da Ribeira Grande do mes de Agosto (07/08/2007)contem artigos dos presidentes de junta do concelho. Aqui fica o artigo do Presidente da Junta do Porto Formoso.

"Freguesia virada para o turismo

Emanuel Faria Presidente da Junta
de Freguesia do Porto Formoso

A freguesia do Porto Formoso é uma das grandes potências turísticas do concelho da Ribeira Grande. O nome da freguesia provém da linda baia natural a que os escobridores denominaram Porto Formoso.

A especial vocação do Porto Formoso para o turismo é garantida
pela beleza natural das suas aisagens, pela sua riqueza cultural
e patrimonial, pelo recente crescimento da oferta de serviços
de restauração e pela serenidade local existente. A freguesia é
repleta de belezas naturais cobertas de exuberante vegetação e
por miradouros que proporcionam vistas deslumbrantes, como é o caso do Miradouro de Santa Iria.

As várias zonas balneares naturais, designadamente a Praia dos Moinhos e o Porto de Pescas,
demonstram a vocação marítima desta freguesia. A Praia dos
Moinhos é uma das melhores praias de São Miguel, sendo procurada
por inúmeros turistas e residentes, levando muitas pessoas
a comprarem ou alugarem habitação para férias.

Outro aspecto importante diz respeito à cultura do chá que já
foi de grande importância económica para esta zona da ilha de
São Miguel"

Link: http://www.cm-ribeiragrande.pt/FileControl/Anexos/Rev_Munip%20RG_500_Anos_NET.pdf
Evaristo disse…
Caros bloggers,
em primeiro lugar os meus mais sinceros parabéns à acasadamosca e ao seu regedor pelos cem mil "clicks" no blog.
Seguidamente, parabéns ao grupo folclórico do Porto Formoso por mais um evento de verão que se espera que seja mais um grande sucesso.

Outro assunto: Saiu na VISÃO uma entrevista a um fundador do PS e "criador" do Serviço Nacional de Saúde (SNS), António Arnaut.
Nesta entrevista faz críticas ferozes ao "actual" PS e ao Governo.
O partido desviou-se tanto para a direita que, por ventura, até estarei quase a sair.
O PS tem a alma a definhar. O partido está a perder a alma e a identidade. A continuar assim não pode chamar-se socialista, tem de mudar de nome.
... às vezes ligo para o partido e tratam-me por senhor doutor e professor?! Há tempos irritei-me e disse: "Mas ouça lá, eu estou a ligar para o PS? Estou? Então trate-me por camarada!"
Não há marcas de esquerda neste governo.
A direita critica pela esquerda a política de saúde do PS! É absurdo, um escândalo.
Estas são algumas das declarações da entrevista a António Arnaut.
Posto isto venho fazer um pedido, e desculpem-me ser aqui no blog, a todos os socialistas que se indignem com este governo e com este "PS", que de socialista não tem nada. Eu pela minha parte já não pago cotas enquanto o secretário geral do meu partido for o Sr. José Sócrates.
Espero não incomodar os leitores deste blog com estes desabafos.

Um bem haja a todos.
manuel_silva disse…
Agadecimento.

Estimadas gentes do Porto Formoso;
Apesar de me encontrar longe da terra que me viu nascer,longe das minhas raizes, e, na
impossibilidade de o fazer pessoalmente como seria minha grande vontade, venho por este
meio, por esta bonita tecnologia de comunicação, agradecer a todas as pessoas que tiveram
a dignidade de participar nas cerimónias fùnebres de Elziria da Conceicão Mendonça, mais
conhecida por Tia Alzira Branca,minha querida Mãe.
Em meu nome,de minha Esposa e da minha familia en geral, meu irmão Jose Paulo da Silva e
Esposa, em particular,o nosso sincero obrigado.
Que a Senhora da Gráça vos proteja e vos acompanhe sempre nos momentos mais dificeis da
vida.
Penso que cometia uma feia acçao, nao muito digna do meu passado civico, se neste momento
não tivesse duas palavras de agradecimento para com a minha irma Ana e Marido, pela
maneira exemplar
como cuidaram a minha Mãe durante tao prolongada doença.
Aqui fica o meu tes testemunho de simpatia,apreco e gratidão.
De ca também um grande abraço com saudades Formosas.

Manuel Mendonca Paulo da Silva.
sono1 disse…
ARTISTA

Pai, serrador de madeira, a serra a braçal. Filho, marceneiro. Dois Homens, a mesma matéria-prima, a madeira.

Se á uns tempos atrás considerei sua mãe, como tendo umas mãos mágicas. A si, Manuel Paulo da Silva, considero suas mãos de artista.
A arte de esculpir bem a madeira, só está ao alcance de um artista, de um homem com talento!

Quem algum dia tiver a oportunidade de ir visitar a catedral de Norte Dame em Montreal, ou então visitar o Centro Cultural de Montreal, ficará a saber que muitos dos trabalhos realizados em madeira nos locais referidos, foram feitos por este senhor.
São verdadeiras obras de arte!

Além fronteiras têm pessoas que dignificam a nossa terra!
Este senhor é apenas uma dessas pessoas!

Com um forte abraço.
JASRAPOSO disse…
Tal como a semente que inicia a sua vida na escuridão da terra, a liberdade só é possivel quando o Ser Humano está em harmonia consigo e com a sociedade.

A cultura e o desporto são duas actividades que contribuem para a aproximação dos povos e para sedimentar as suas ligações dentro da diferença e do respeito mútuo.

Como no Porto Formoso o intercâmbio desportivo desapareceu, resta-nos, felizmente os encontros culturais desenvolvidos pelo Grupo Folcolórico.

Faço votos para que o tempo esteja de feição e que este III Encontro contribua para a harmonia dos participantes e assistentes.
Cavalete disse…
O MERCADO A FUNCIONAR

Nao deixa de ser interessante observar o funcionamento do mercado de cafes do Porto Formoso (sem incluir os moinhos).

Nos ultimos tempos, este mercado tem-se revelado bastante competitivo, com margens geralmente mais baixas do que as que se verificam noutras freguesias. A comprova-lo esta o preco da Sagres pequena, que se tem vendido, ha ja alguns anos, a 60 centimos, enquanto na maior parte das outras freguesias esta se vende a 70 centimos.

Naturalmente que esta concorrencia so pode beneficiar os clientes. Recentemente, um cafe aumentou o preco da Sagres para 65 centimos. Resta saber se o acrescimo de 5 centimos vai ser seguido por outros cafes ou se estamos perante um caso isolado em que este acrescimo vem apenas remunerar um servico de melhor qualidade oferecido pelo respectivo cafe.
sono1 disse…
Noite mágica, hoje aqui no Porto formoso. Onde recriamos as memorias colectivas, dos nossos antepassados, dos nossos avós. Na debulha do milho, na ceifa do trigo, na apanha no chá. O grupo folclore do Porto Formoso, já é uma presença obrigatória nos festivais de folclore. Pelo sorriso contagiante das suas apanhadeiras de chá.
Foi assim que começou, o terceiro festival de folclore do Porto Formoso. Palavras proferidas pela apresentadora do festival, Maria de Deus Costa.

Os anfitriões deram inicio e terminaram o festival. Três culturas, diferentes. Três maneiras de dançar diferentes.
Os grupos da ilha num dançar mais melancólico, o que de uma maneira geral reflecte cultura do povo Açoriano. Pelo ritmo de vida levado pelo povo insular.
O de Arruda dos Vinhos, grupo com o qual está ser feito o intercambio. Um bailar mais apaixonante.
E o destaque da noite foi sem duvida o grupo de Albacete, Espanha.
Tinha referido, este facto. Foi uma mais valia cultural, artística, no festival, organizado
pelo Grupo Folclórico do Porto Formoso.

São esses momentos que nos deixam mais saudades…
Viva a cultura! Viva ao Porto Formoso!
Com um forte abraço.
luisbotelho1 disse…
Caros amigos e vizinhos...
por acaso descobri este blog dedicado a nossa querida terrinha... nao conseguem imaginar a alegria de ver que a nossa terra nao ficou parada no tempo...
nao imaginam o quanto sabe bem a quem esta longe, do canto que o viu nascer, ver que se faz algo...
infelismente mais um ano se vai passar sem que possa ver antigos amigos e ter que continuar uma vida de adulta, tantas vezes imaginada como sendo passada ai no paraiso, longe de CASA...
um abraço e um bem haja para todos
Cavalete disse…
Os roubos continuam

Anda por ai um senhor (que quase toda a gente sabe quem é) que assalta casas como quem come tremoços. Ainda ontem mais duas casas foram assaltadas em S. Brás, em plena luz do dia.

E apesar de ser procurado pela polícia, ele continua a andar nas ruas do Porto Formoso com quase plena liberdade de movimentos. Há coisas que nunca mudam!

PS: digo que quase toda a gente sabe quem é porque ele já foi apanhado pelo menos duas vezes em flagrante, sendo reconhecido pelos assaltados.
Ana disse…
http://www.youtube.com/watch?v=IMmBYGptAUc

Por um desenvolvimento sustentado, para que se criem melhores condições nas nossas freguesias, sem destruir o valioso património natural. Porque é pelo verde que nos visitam e não pelo betão.
Hoje é em Vila Franca amanhã pode ser bem mais perto de si...
Tal como o autor (http://entramula.blogspot.com/), apelo a toda a blogosfera que divulgue o vídeo.
Podem inclusive aceder ao código que poderão copiar para o vosso blog, permitindo a visualização a quem vos visitar
http://blip.tv/file/322963
vidu disse…
olá boa noite a todos,

Sou o presidente do Rancho Folclorico Podas e Vindimas de Arruda dos Vinhos, tivemos o prazer de estar presente no vosso festival na qual nos tivemos muita honra.
Adoramos a vossa terra a vossa ilha e as pessoas de Porto Formoso.Queria dar os parabens pela organização do fetival assim como pela maneira onde fomos recebidos,
pelos passeios que nós demos, pela hospitalidade que como nos receberam porque fizeram sempre o esforço para que nada nos faltasse, desde já em nome do grupo o meu muito obrigado.

Só me resta agradecer as camaras da Ribeira Grande e Ponta delgada por terem recebido o nosso grupo.
Mas o agradecimento especial vai para o grupo da Casa do povo de Porto formoso e para o sr.Eugénio que nos proporcionou um magnifico passeio de barco do qual nunca iremos esquecer.

Um abraço ao David, Cesar, Ze Maria,Patricia, sandra, Paulo,e a todos os outros que foram incansáveis para que nada nos faltasse.

O NOSSO MUITO OBRIGADO E ATÈ BREVE

paulo viduedo presidente do R.F.P.V de Arruda dos Vinhos

Mensagens populares deste blogue

Trilhos pedestres no Porto Formoso, onde?

Águas Medicinais da Ladeira da Velha