Mais uma vez...


Uma família no Porto Formoso foi desalojada e perdeu todos os bens devido às chuvas intensas que se fizeram sentir na ilha de São Miguel.Maria de Lurdes Botelho, proprietária da habitação, explica que a água invadiu a residência a partir das 4h00, através das janelas e porta principal, atingindo um metro de altura no interior da residência, conforme se pode constatar pela linha de água na parede e mobiliário.Na residência vivem três pessoas idosas, entre os 56 e 65 anos, sendo que um irmão de Maria Lurdes Botelho, “está paralítico há cinco anos”, e viveu momentos de grande aflição quando a água começou a subir no interior da residência.A Secretaria Regional da Habitação e Equipamentos emitiu, entretanto, um comunicado a assegurar alojamento temporário a esta família.A nota emitida prometida pelo Governo Regional referia que já se procedeu ao “levantamento dos trabalhos a efectuar na sua moradia com vista à reposição das necessárias condições de habitabilidade”. (fonte da foto e do texto: Luis Pedro Silva, Açoriano Oriental).
Segundo a Sra. Maria de Lurdes os Bombeiros da Ribeira Grande não fizeram tudo o que podiam para acudir de imediato à tragédia.Mais uma família que fica com os seus bens todos estragados. É a segunda em cerca de dois meses.

Comentários

deus2deus disse…
Esta família humilde de poucas posses não merece que os bombeiros arrisquem o cu atravessando as quebradas para ajudar, mas se fosse a casa do senhor deputado vinham como uns doidos.

Coitado de quem vive no concelho da rebera grande.

adeus
Anónimo disse…
...
Lamentável e confrangedora esta situação ! Sempre que chove em São Miguel é caso para juntar as mãos em oração pedindo que nada de trágico aconteça. No caso presente é caso para juntar mãos à obra e se possível ajudar essa família. Um modesto contributo não é nada face a uma campanha de solidariedade em maior escala mas para quem tem tão pouco não deixa de ser alguma coisa.
JNAS
O Regedor disse…
Sem dúvida que o auxílio de vizinhos e da população do Porto Formoso pode ajudar esta família.

No entanto, esta situação serve de exemplo para a importância que podia ter a Casa do Povo: mobilizar os meios para ajudar esta família.

Que falta faz uma Casa do Povo nestas situçãoes!

Também faz falta a limpeza das ribeiras, esgotos e sargetas e o ordenamento dos cursos de água, que no Porto Formoso não existe.
Anónimo disse…
essa noticia apareceu no telejornal!
O porto formoso so aparece no jornal por causa das cheias
Anónimo disse…
Já cá faltava essa. A culpa cai sempre em cima dos bombeiros. Impressionante. Homens e mulheres que arriscam as suas vidas diariamente, e sem receber um tostão (ou já se esqueceram que são voluntários) e não têm valor nenhum. Da próxima vez pense nisso. Já agora, um aviso à navegação, quando pensar em denegrir a imagem dos soldados da paz, passe pelo quartel da sua área de residência e peça e registo das saídas - está lá tudo descriminado.
Digo mais ainda, os homens e mulheres que lá estão todos os dias são gente honesta, trabalhadora e séria. Não são nem políticos nem os ditos "Doutores", são pessoas simples, muitas delas têm muito pouco mas dão tudo o que têm.
Para a próxima em vez de criticar só por criticar, dê uma ajuda, faça-se sócio por exemplo.
Anónimo disse…
O que é que queria mais???
Que os bombeiros parassem a chuva? ou a lama??
Os bombeiros não limpam casas, ajudam pessoas,animais e bens em risco. Note que as pessoas vêm primeiro lugar.
Anónimo disse…
É uma estupidez da tua parte (Bruno) escreveres este artigo sem tentares ao menos saber o que realmente aconteceu (se os bombeiros foram ou não "incompetentes" na sua actuação). Estás a comportar-te como os jornalistas profissionais, que há procura de protagonismos e "mais venda", escrevem os seus artiguinhos com aquilo que lhes interessa. Por que não passaste nos bombeiros e tentaste saber a que horas foi dado o alerta, a que horas chegaram os bombeiros, que meios têm, etc? Assim, fundamentavas o teu artigo e não contribuias para as sucessivas tentativas de denegrir o trabalho dos bombeiros voluntários da RG. Objectivo este de um certo grupinho de amigos, que se intitulam de elite. Eu sou bombeiro voluntário, não sou da RG e tenho meu trabalho, mas às 5 da manhã já estava no quartel. E tu "deus2deus" onde estavas? Já alguma vez ajudaste alguém? Vocês (alguns comentadores deste blog) passam a vida a criticar e não fazem nada de útil e de concreto pela sua freguesia e sociedade. Este blog deveria ter um objectivo mais assertivo e não de protagonismo. Abraço ao meu amigo psicólogo e a todos os críticos deste blog.
sono1 disse…
Os Bombeiros Voluntários da R.Grande têm um percurso ao longo da sua história assinalável. Nos vários testes, exercícios, feitos com diversas cooperações do país, tem arrecadando vários prémios, que muito dignificam a instituição e o Concelho. Mas não significa que ficam isentos de errar. Pois errar é humano!

A notícia aqui parcialmente escrita, foi a noticiada no telejornal da RTP Açores e no A.O.
Não vejo qual a razão pela qual não deve ser argumentada!
Aliás deixo a sugestão ao regedor para que tire umas fotos ao estado, que ficaram as habitações junto à ribeira do lugar. Para que os nossos amigos da diáspora, possam compreender, a desorganização e falta de coordenação de “quem”, nos governa!

Com um forte abraço.
Anónimo disse…
Mas os bombeiros não erraram esta vez... E lá pelos média errarem (darem notícias inverdadeiras), o regedor tem de fazer a mesma burrada? E outra, este blog é só para os nossos amigos da diáspora? Os amigos da diáspora é que vão organizar e coordenar quem nos governa? Em vez disto, contribua (sono1) para que o Porto Formoso (e todas as freguesias do nordeste ribeiragrandense) tenha uma resposta mais rápida e eficiente, arranjando maneiras para melhorar as condições do quartel da Lomba da Maia. O Sr. Sono1 fala sobre podermos ou não argumentar. Muito bem. Mas por acaso o Sr. argumentou alguma coisa? O Sr. apenas comentou sem fundamento nenhum. Quer-se é uma notícia com fundamento e justificações plausíveis. Não é só escrever porque os outros também escreveram...
Cavalete disse…
É interessante como uma notícia sobre chuvas e enxurradas causa tanta "labareda" na Casa da Mosca. O melhor mesmo é chamar já os bombeiros para apagar este fogo!

Não tenho conhecimento de causa para me poder pronunciar sobre a actuação dos bombeiros voluntários da RG neste incidente mas esta é certmente uma boa oportunidade para reflectirmos sobre as condições de segurança e de salvamento da população do Porto Formoso. Não bastam os simulacros, é preciso fazer uma avaliação critica da actuação da protecção civil em casos reais para se tomarem eventuais medidas correctivas.

E parabéns ao regedor por ter aberto a discussão!
O Regedor disse…
Ao anónimo das 10:29:
compreendo que a imagem dos bombeiros, nos dias que correm já não é tão boa como no passado. As notícias no Verão que os Bombeiros não sabiam combater os fogos, para isso contribuiram. Também as últimas notícias acerca do relatório do tribunal de contas sobre irregularidades na contabilidade da construção do novo quartel dos Bombeiros da Ribeira Grande não ajudou muito.
No entanto, no meu caso não penso dessa forma. Respeito muito os Bombeiros, em especial os voluntários.
Queria responder ao primeiro anónimo que diz que há Bombeiros que arriscam a sua vida sem ganhar um tostão, mas como deve saber nem todos são assim. Há Bombeiros que arricam a sua vida para ganhar dinheiro no fim do mês, os profissionais.
Desculpem-me os profissinais, mas louvo mais os voluntários. Apesar disso, ser voluntário nunca pode ser confundido com ter menos obrigações ou competências.

Ainda para o primeiro anónimo: os políticos e "doutores" como diz também podem ser gente simples e boa. Nem todos são maus. Imagino que na sua opinião basta ser doutor para não ser simples. Cada um pensa como pode.

Para o anónimo das 11:33:
Ando com pouca oportunidade de andar a investigar. Mais, este blog não pretende ser um jornal nem um tribunal. Aqui são dadas opiniões críticas e depois quem quiser discorda ou concorda.
Assim, NÃO ESCREVI este artigo, limitei-me a COPIAR este artigo do Jornal Açoriano Oriental online. As últimas 3 frases são da minha autoria.
A senhora achou que os Bombeiros levaram muito tempo. Foi isso que disse. Não afirmei se eles levaram muito ou pouco tempo.
Quem lê este blog de vez em quando percebe que muito tenho escrito sobre as cheias e sobre a importância da limpeza e alargamento das ribeiras, da construção do saneamento básico, de uma ETAR, etc etc. Se isto tivesse feito, os Bombeiros iam ser chamados muito menos vezes e as pessoas iam ficar com menos água dentro de casa e sem tudo destruído.
Em relação aos objectivos do blog, não passam por protagonismo. Passam por afirmar uma consciência crítica e de liberdade de opinião numa sociedade portoformosense quase sem voz. Se o blog podia ser melhor e fazer melhor?? Todos nós podemos fazer melhor!
Um abraço também.


Para todos os anónimos:
ninguém é Deus. Mesmo os que praticam o bem todos os dias podem ter um dia menos bom.
Os Bombeiros não são deuses, são pessoas que se sacrificam, dão tudo o que têm, mas isso não impede que um dia possam errar.
Não sei na madrugada de dia 28 foi isso que aconteceu ou não.

Abraço a todos
MiltonRodrigues disse…
boas tardes, antes de mais, gostaria de pedir aos comentadores deste blog um pouco mais de calma no modo como criticam! mas é mais que obvio, que nestas situações, o sentimento sobrepoe-se á razão!

Enbora seja morador na freguesia da Matriz, da RG, vivo lado a lado da ribeira, e sei que é sentir tais situaçoes de pánico (97,2001,2003,2004,2006 e 2007) são apenas alguns exemplos de como ora de noite, ou de dia, tanto eu como os meus vizinhos ficamos ACORDADOS e de pronta intervenção!!
Relativamente a esta situação ocorrida, julgo que os bombeiros da RG, tanto os elementos do corpo da L.Maia como os elementos do corpo da RG, fizeram o que lhes competia!
Com estradas cortadas, moradias por todo o concelho com infiltrações, além de diversas ribeiras a beirar o seu suporte máximo aos caudais, é dificil saber pra onde mandar X ou Y equipas de socorro e equipamento/maquinaria realmente necessária!
É mais que sabido, tanto os bombeiros, camaras e as diversas secretaria, nomeadamente a florestal e a de equipamentos, os locais/zonas geralmente problemáticas aquando chuvadas.
No porto formoso, geralmente é sempre a mesma aérea a possuir derrocadas, e são pra estes locais que a maquinaria geralmente é enviada, embora esteja sempre á espera da ordem superior pra poder avançar pro terreno, afim de haver uma rápida intervenção afim de permitir desobstruir as vias de comunicação e de socorro existentes!
Julgo que os bombeiros da Ribeira Grande se pudessem chegar mais cedo ao local, e no caso de terem chegado, conseguíssem EM SEGURANÇA efectuar o socorro, teriam-o executado!!
Posso-vos afirmar, que nesta e nas diversas corporações, existem elementos que nestas horas não medem o perigo tanto para eles ou a quem pretendem salvar..

ou pouco de respeito a estas pessoas não ficaria mal
Anónimo disse…
Caro deus2deus, em quase 132 anos de existência os homens e mulheres da Associação Humanitárias do Bombeiros Voluntários da Ribeira Grande têm arriscado (peço desculpa o termo mas tenho que baixar-me ao seu nível) o cu e muito mais para salvar vidas e bens. Independentemente de quem se trata, sem olhar a cor, raça, ideologia politica ou extensão da conta bancária. Posso garantir-lhe que todas a chamadas de emergência são respondidas da mesma forma. E tudo isso é feito com base no voluntariado, vem agora o senhor difamar esta instituição centenária. Aposto que deve ser daqueles que não encostam o carro quando tem atrás de si uma ambulância e marcha de emergência, ou pior, param no meio da estrada, quando vêm um acidente e fico ali só para dar palpites sobre o estado das vítimas e o trabalho dos Bombeiros
Cumprimentos
Anónimo disse…
Caro deus2deus, depois de ler o seu comantário só me veio à cabeça uma expressão tipica açoriana: dá descaminho de ti! Ah mas não chames os bombeiros porque esses não vão arriscar o coiro para o encontrar
Anónimo disse…
Caro Regedor

Quando falei em ditos “Doutores” esteva a referir-me aos Xicos espertos que infelizmente abundam na RG e que, o deus2deus insinuou terem prioridade no socorro. Até porque nos BVGR existem muitos licenciados e até mesmo Doutorados, simples e humildes. Não é o grau académico que define a pessoa. Não quero ser mal intencionado.
Quanto à questão dos profissionais, aqui nos Açores não existem sapadores, existem sim bombeiros assalariados, o que na prática significa ter sempre um grupo limitado de efectivos que garantem um número reduzido de serviços regulares. Conclusão, serviços que requerem um número mais elevado de bombeiros (incêndios, acidentes, catástrofes, entre outros) serão sempre resolvidas graças aos voluntários.
Respondendo ao seu comentário, todos têm o valor igual porque arriscam a sua vida, de graça, mesmo os assalariados, pois muitas vezes fazem-no nas suas horas de folga. Em Portugal não acontece como os outros países da Europa em que, os Bombeiros Voluntários recebem à hora, e não é pouco, diga-se de passagem. Aqui arrisca-se a vida de graça. Muitas vezes, nem um obrigado recebem, ao invés, é raro o dia em que o bom nome dos Bombeiros não é posto em causa.
Anónimo disse…
Quanto à questão das responsabilidades, só para acrescentar e utilizando uma velha máxima dos bombeiros, no nosso país: voluntário por opção, profissional na acção.
Cumprimentos
Anónimo disse…
Boas... Acho uma falta de ética estarem a criticar os bombeiros voluntarios da RG, não sou bombeiro mas conheço a equipa quase toda desde os profissionais até aos voluntarios... Cada um deles, dá sempre o seu melhor, arriscando mesmo as suas proprias vidas... para quem está a criticar os bombeiros.. pá... só tenho uma palavra a dizer, que fossem lá fazer melhor em vez de criticar... aí sim, queria ver quem era o ou os criticados...

desde já, os meus melhores cumprimentos a todos os criticos!

LeOn
tem mas estao verdes disse…
Isto tá a pegar fogo!!!!
Esta gente tá doida!
É preciso esta balburdia por causa de um comentario do deus2???
Tomem juízo! N ha q fazer?
Anónimo disse…
Adivinha "Contando os kilometros"

Qual é a freguesia da Ribeira Grande até aos Fenais da Ajuda que fica mais longe de um quartel de bombeiros?





























Porto Formoso
Milton Rodrigues disse…
Julgo que o "Anonimo" enganou-se nas contas!!!
a freguesia que em kilometragem se distancia mais, denomina-se L.SaoPedro!!(em kilometros e em tempo necessário ao deslocamento)
alias, a freguesia que fica mais centralizada entre os 2 corpos constituintes do concelho é sim o PortoFormoso!!
Anónimo disse…
Muito pagam os bombeiros
mas as autoridades maximas a que são as culpadas destas tragédias quase todas
vejamos á quantos anos informaram a secretaria do ambiente , camara da ribeira Grande , Junta de Freguesia que futuramento se iria dar alguma desgraça com as moradias que ficam com as traseiras para a ribeira «da ribeira do lugar»
alertou-se estas autoridades que a ribeira já estava a descoser os qintais , se nada fizessem para travar aquilo que mais tarde tudo iria pela agua abaixo
ora chegou este momento estão três casas em ruinas prontas para cair
Agora pergunto eu quem tem culpa disto
que fizeram as autoridades para evitar esta tragédia
nada vezes nada
depois das desgraças aconteceram , a que vem o Governo todo em peso ver o que se passou
podendo ter cortado o mal pela raiz

e então os nossos bloogs dizem que a culpa é dos bombeiros

a culpa é destes sacanas , que andaram á nossa volta a pedir que votassem neles , dizemdo que vão melhorar isto , vão fazer aquilo etc. e nada fazem
depois de estaram no pelouro só cagam para nos
JASRAPOSO disse…
Longe vão os tempos em que os nossos agricultores se preocupavam em traçar regos nas suas terras de modo a recolherem as águas das chuvas e orientá-las para o lugar mais correcto.

A preocupação ia ao ponto de coordenarem os suas valas com os do vizinho.

Quando o tempo ameaçava chuva, a grande preocupação era ir ver como se encontravam os regos das terras.

Hoje ninguém se preocupa com isso. As desgraças acontecem e acabamos por atribuir culpas aos menos culpados, prejudicando muitas vezes pessoas humildes e simples como foi o que aconteceu no Porto Formoso
Anónimo disse…
O Regedor transcreveu a noticia do jornal acoriano oriental do dia 30 de Janeiro em que o jornalista informa que os bombeiros da ribeira grande n�o compareceram no local e deu-se ent�o um alarido t�o grande uns a falar mal de outros que deu no total ate este momento de 21 coment�rios de todos eles os que se aproveita s�o os que falem bem dos soldados da paz.
Porque ser� que o regedor n�o transcreveu os esclarecimentos publicados pelo director do jornal a�oriano oriental do dia 31 de janeiro na p�gina 15 na r�brica DIGA LEITOR ser� que s� divulgadas coisas m�s mas no entanto vou transcrever os ditos esclarecimentos para quem n�o leu o jornal.

Esclarecimento dos Bombeiros Volunt�rios da Ribeira Grande

"Com o intuito de repor a verdade dos factos sobre a noticia de ontem, 30 de janeiro de 2008,deste jornal sobre a familia desalojada em consequ�ncia do mau tempo na freguesia de Porto Formoso que havia criticado a falta da actua�o dos bombeiros voluntarios da ribeira grande, que embora solicitados nunca haviam chegado ao local, cumpre-me informar Vossa Excia que uma viatura deste corpo de bombeiros e respectiva guarni�o se deslocou �quela residenciapelas 04h16, tendo os referidos elementos, para al�m de outras ac�es, retirado os sinistrados que se encontravam acamados.
Nesta ac�o tivemos a colabora�o de tr�s elementos da Junta de Freguesia local.
Estas afirma�es foram ontem confirmadas pelos referidos residentes.
Solicito portanto a Vossa Excia que se digne tomar as medidas necess�rias a fim de repor a veracidade dos factos

Jos� Gabriel Ponte Bicudo Melo
Comandante dos Bombeibos Volunt�rios da Ribeira Grande


Esclarecimento da Junta de Freguesia de Porto Formoso

Tendo sido noticia no F�rum Local, na edi�o de ontemdo jornal a�oriano oriental, a inunda�o referente � habita�o da Sr�Maria Lurdes Botelho, na Rua Vale Formoso desta Freguesia, em que se refere a n�o compar�ncia dos Bombeiros Volunt�rios da Ribeira Grande, neste sentido achamos por bem fazer o seguinte esclarecimento:
Os Bombeiros Volunt�rios da Ribeira Grande, nomeadamente a sec�o da Lomba da Maia, chegarem ao local por volta das 03h45 da madrugada.
Na presen�a da Junta de Freguesia prestou-se de imediato a devida ajuda aos residentes, entre os quais se encontrava um senhor acamado que foi protamente levado para casa de um familiar pelos bombeiros, por membros da JUnta de Freguesia, bem como pelos familiares.
� ainda de referir que estiveram sempre presentes no local elementos da brigada de limpeza da C�mara Municipal da Ribeira Grande e um funcion�rio afecto � Junta de Freguesia.

Com todos estes esclarecimentos a maior parte dos blogger falou para o boneco ou seja foi por o bota abaixo, antes de fazerem um coment�rio primeiro tentam saber a veracidade dos factos.
O Regedor disse…
Caro Sr. anónimo das 14:17, não publiquei estes esclarecimentos no próprio dia porque não costumo ler a rúbrica "Diga leitor" do Açoriano Oriental. Talvez agora começe a passar os olhos por lá. No entanto, estão desde já publicados aqui no blog.

Caro anónimo das 15:48,
concordo contigo.

Sr. Milton Rodrigues,
em relação à adivinha de um anónimo, o sr. não reparou que na pergunta dizia até aos Fenais e o Sr. respodeu Lomba de S. Pedro que já fica mais para lá. Parece-me que o anómino da adivinha tem razão: o Porto Formoso fica exactamente a meio caminho entre a Ribeira Grande e a Lomba, ou seja, fica longe das duas.
Anónimo disse…
Tanta gente aqui a falar e ttalvez nem viram as noticias da RTP çores ENVIO AQUEI O LINK PARA VEREM A SITUAÇAO DESSA FAMILIA E APOIAR COM BENS ETC ETC NUNKA SE SABE KANDO É KE XEGA O NOSSO DIA DE PRESISAR DOS OUTROS










Copiem o link e vejam o vedeo













http://videos.sapo.pt/WHrBtNOuy3REDMQssgv2









agradeço a visita e comentem por favor!!!



p:s o pessoal do porto formoso ker é mexeriko nem se dão ao trabalho de meter aki mais fotos sobre o acontecimento é necessario um elemento de outra freguesia meter aki o site do vedeo)
Milton Rodrigues disse…
Caro Regedor, li muito bem a "adivinha", e por isso mesmo respondi L.SaoPedro!!
simplesmeste não gosto de "puxar as brasas á sardinha".. senão tb poderia lançar a seguinte adivinha "entre S.Brás e PortoFormoso qual o mais perto dos bombeiros?"

deixando de adivinhas, passo a fazer questoes mais concretas:

1-> quantos bombeiros residentes no PortoFormoso estão como voluntários nos Bombeiros da R-Grande?
2-> a seccção da L.Maia tem meios humano e materiais minimos para um pronto socorro rapido e eficaz a todo o seu perimetro geografico (que é enorme)?

3-> Alguem já pensou nas reais causas do leito da ribeira? ex: acção humana em redor de todo o percurso da ribeira, estrangulamentos não naturais, derrocadas dando á criação de miniBarragens frágeis durante as chuvadas, madeiras/canas/LIXO nas margens da ribeira.. ect.!

posso afirmar, que pra as nossas ribeiras criarem problemas, apenas ocorre, se no seu normal percurso existir obstáculo (naturais ou menos naturais)!!
O Regedor disse…
Caro Milton,

tentando responder às suas perguntas.

1- eu conheço um, que por acaso é meu amigo de infância. Não sei se há mais e gostava de perceber porque fez essa pergunta.

2- não sei.

3- já pensei. Dei a minha opinião sobre este tema dezenas de vezes aqui no blog. Como dizem que não sou engenheiro, e é verdade, a minha opinião vale o que vale. Resumindo muito o que escrevi anteriormente fica assim: antes só aconteciam problemas nas ribeiras quando chovia realmente muito. Agora chove 20 minutos em cheio e temos problemas.

Estes problemas devem-se, na minha humilde opinião, a:

- obstáculos que estão nas ribeiras (arvores, paus e pedras - de causa natural, lixo - causa humana)

- as terras e os pastos não têm um escoamento de água eficaz

- as entidades competentes não limpam anualmente as ribeiras

- o sistema de esgotos e sargetas do Porto Formoso é um caos.
Apenas limitaram-se a contruir uma rede em que a àgua e tudo mais vai parar à Ribeira do Lugar e os resultados estão à vista com queda de quintais, etc.

- falta fazer a protecção das margens da Ribeira Do Lugar.
À cerca de 15 anos atrás houve uma parte da Ribeira do Lugar que foi ordenada: do fim da Canada das Gentes para cima fizeram-se obras no leito da ribeira e contruiram-se muros de protecção. Daí para baixo ficou tudo por fazer.

- o Porto Formoso não tem nem Saneamento Básico nem uma ETAR.
A câmara diz que não tem dinheiro para estas coisas, que são simplesmente o mais básico num país desenvolvido.
Milton Rodrigues disse…
Caro Regedor,

relativamente à minha primeira questão, apenas perguntei, pois uma freguesia que possui bombeiros, mesmo que em pouco numero, teoricamente possui um "melhor nivel de socorro".
mas é na pratica que se evidencia a teoria, e geralmente, mesmo em pequenas insignificâncias, a análise e modo de intervenção é sempre mais rapida/eficiente!!
Dai ser um apologista a uma continua formação dos nossos bombeiros, sejam condutores, tripulantes de ambulância, etc...

quanto ao facto do saneamento básico, bem isso é em todo o lado.. olhe pra cidade e veja como está ela toda Estruturada.. á ribeira que lhe dá nome!!
As nossas ribeiras, apartir de determinadas cotas, são o modo mais facil e barato de "limpar" a sujidade.. seja ela qual for!!

Relativamente ás Entidades competentes terem a responsabilidade de limparem anualmente as ribeiras, estas ditas "limpezas" são apenas efectuadas nas zonas populacionais.
e geralmente aquilo é por distancias percorridas a quem compete (secretarias) a limpeza das ribeiras (florestal, ambiente, equipamentos, turismo e até a da economia)... em resumo uma salgalhada!!
Mas mais que a culpa de (não) haver uma limpeza nas nossas ribeiras por parte das entidades competentes, OS HABITANTES das nossas freguesias é que são os Culpados!!
Digam-me.. não se fazem/arranjam casas ai no PortoFormoso?..
Bem me parecia que havia obras!entao respondem-me.. para onde deslocam os tractores e camioes carregados de entulho pra descarregar? é preciso citar exemplos?? posso dar um exemplo que fiquei "de boca Aberta a tamanha sabedoria"
Estava eu com uns amigos fazendo as cumeeiras das 7Cidades, quando numa das lombas ingremes vejo um camiao a subir.. subir.. quase sem poder subir!! Ora.. este ChicoEsperto deu-se ao trabalho de percorrer não sei quanto kilometros num caminho de terra batida até praticamente ao cima da Cumeeira, para simplesmente DESCARREGAR o seu entulho na berma desse caminho, simplesmente Tapando a vala que servia para drenar as chuvas!!
Como esse caso já vi INUMEROS chicosEspertos (MonteEscuro, Tondela, L.S.Brás, Castelo Branco, etc etc etc) a fazerem isso e a acharem-se os maiores.. por não levarem uma multa bem dada.. sem pensarem que tudo o que vem de cima, pode demorar, mas chega cá baixo!!

Deixo também um apelo: tirem um dia, e recolham os plasticos e sacas dos adubos ou lá que é aquilo Totalmente abandonados nas ribeiras (incluindo seus afluentes), caminhos e pastos da vossa freguesia, e depois vejam os Kg que obtiveram!!

p.S: Quem diz do PortoFormoso, diz de praticamente de toda a ilha, principalmente nas zonas onde existe maior actividade agrícola!

Falta é CIVISMO e EDUCAÇÃO AMBIENTAL nesta terra.. tanto ao tiJosé como ao Engravatado!!
Anónimo disse…
ola amigos ,por favor ,peace and love
Anónimo disse…
Os bombeiros merecem todo o nosso respeito. Quero agradecer aos bombeiros da Lomba da Maia pelo seu profissionalismo e dedicação.
Bem hajam!.
Anónimo disse…
Tanta gente a falar mal dos Bombeiros e da sua actuação, mas o que todos se haviam de lembrar, é que os verdadeiros culpados destas situações que acontecem frecuentemente são; os lavradores , que não fazem a limpeza da lixarada ( sacos ração vazios e muitos outros)nos pastos. Causando assim o entupimento das ribeiras. Se calhar estao á espera dos Bombeiros para o fazer!........
Anónimo disse…
onde está a familia desalujada? o ke a junta já fex e a camara?????? keresmos saber essas noticias e nao exas kousas mexkinhas que andam por aí!!este blog está cada vex pior! deveria haver mais vigilância! e que tal por assuntos de mais interesse aqui?que tal´ir prokurar fotografias do porto formoso antigamente e demonstrar á sociedade jovem komo era aqui os tempos na nossa freguesia! existem inúmeros temas para debater aqui!! e já agora poderiam modernizar mais esse blog passando-o assim para um site oficial do porto formoso!espero uma resposta regedor mas uma resposta MUITO completa e com todas as respostas devidamente respondidas!


Os meus kumprimentos

P:S não demore muito a responder!
O Regedor disse…
Sr. anónimo,

é muito difícil responder ao seu comentário. Num parágrafo mistura 10 assuntos diferentes. Vou tentar responder a todos.

Não sei onde está a família desalojada, e ainda não sei o que a câmara ou a junta estão a fazer. Se souber que nos avise e se não souber e tiver curiosidade, contacte esses orgãos para saber.

"Que tal por assuntos de mais interresse aqui?" diz o senhor. Concordo, mas não se esqueça que o seu interesse pode não ser os dos outros leitores.
"Que tal arranjar umas fotos antigas?" diz o senhor outra vez. Concordo, digo eu. Se for ver o blog desde o princípio tem muitas e ainda devia ter mais. Não acha que me poderia arranjar algumas?
É que eu não as tenho todas e por vezes também não tenho disponibilidade para ir atrás delas.
"existem inúmeros temas para debater aqui!!" volta a insistir o senhor. Concordo, replico outra vez. Não quer dar umas idéias sobre uns temas?

Quanto ao blog passar a site oficial do Porto Formoso, divido essa questão em duas. Primeiro e resumidamente, um blog é um blog e nunca pode ser confundido com um jornal ou com um site oficial. Segundo, acho que o Porto Formoso deveria ter um site oficial com referências à nossa história, gastronomia, etnografia, fotografias, notícias, informações úteis, etc! Esse site tem de ser mantido e pago por um organismo oficial, nunca por um particular. Cabe à Junta de Freguesia fazê-lo e já o disse pessoalmente ao sr. presdente. Mas sabe, tanta gente que se mostra interessada nestas coisas e ninguém aparece no sítio onde elas são discutidas: nas reuniões da Assembleia de Freguesia.

Caro anónimo, espero ter respondido às suas questões MUITO completas.
Já sabe que não tem de concordar comigo e que acho isso normal.

cumprimentos
Anónimo disse…
Epá vocês que arrajem um trabalhinho, em vez de tarem a falar da vida dos outros
Anónimo disse…
Resumo o fundamental do que foi dito acima, uma avalanche de catástrofes que:
- começa com o fim dos métodos naturais de produção, em particular na agricultura (uma das consequências relevantes neste caso: o aparecimento do Lixo) ...
- ... que é uma das causas dos lavradores perderem o elo de ligação à terra e à comunidade...
- ... que é uma das causas dos lavradores perderem os príncipios necessários para a sobrevivência de uma sociedade, em particular o príncipio de solidariedade e de respeito pela natureza (1) ...
- terminando nas autoridades, passivas face as consquências dos pontos anteriores: lixo nas ribeiras causado por lavradores e outros (2); águas que correm para onde não devia ser pemitido (3)...
- mas activas acelerando o processo, permitindo construir em locais em que antigamente isso nunca passaria pela cabeça, por razões óbvias de proteção contra a erosão.
Como em qualquer outro processo que deixa de ser natural, também este entra na espiral da destruição, sendo neste caso o motor dessa espiral a erosão do solo. (4)

Notas (citações do que foi dito acima):
1- "Longe vão os tempos em que os nossos agricultores se preocupavam em traçar regos nas suas terras de modo a recolherem as águas das chuvas e orientá-las para o lugar mais correcto.

A preocupação ia ao ponto de coordenarem os suas valas com os do vizinho.

Quando o tempo ameaçava chuva, a grande preocupação era ir ver como se encontravam os regos das terras.

Hoje ninguém se preocupa com isso. "
2 - "Estava eu com uns amigos fazendo as cumeeiras das 7 Cidades, quando numa das lombas ingremes vejo um camiao a subir.. subir.. quase sem poder subir!! Ora.. este ChicoEsperto deu-se ao trabalho de percorrer não sei quanto kilometros num caminho de terra batida até praticamente ao cima da Cumeeira, para simplesmente DESCARREGAR o seu entulho na berma desse caminho, simplesmente tapando a vala que servia para drenar as chuvas!!
Como esse caso já vi INUMEROS chicosEspertos (MonteEscuro, Tondela, L.S.Brás, Castelo Branco, etc etc etc) a fazerem isso e a acharem-se os maiores.. por não levarem uma multa bem dada... sem pensarem que tudo o que vem de cima, pode demorar, mas chega cá baixo!!
3- "(hoje) as terras e os pastos não têm um escoamento de água eficaz";
4 -"Façam o trilho do Rego d´água e reparem como desapareceram, por força da água da ribeira, os quintais das gentes da Canada das Gentes. Como por detrás da antiga oficina do mestre Fernando, a ribeira do lugar, onde antes dava para atravessar com um passo, agora cabe um autocarro lá dentro. Onde existiam ladeiras com bananeiras hoje existe a ribeira com ratos de esgoto a passearem!"
"... antes só aconteciam problemas nas ribeiras quando chovia realmente muito. Agora chove 20 minutos em cheio e temos problemas."

Mensagens populares deste blogue

Trilhos pedestres no Porto Formoso, onde?

Águas Medicinais da Ladeira da Velha